26 mar 08
outros bla bla blas
Idéias: Organizando o ateliê craft
por Andrea
Porta-retros Ana  Sinhana
Porta-linhas, originally uploaded by Sinhana.

Há muito tempo (anos ?) quero um porta-retrós de parede como este da Ana Matusita. Virou meu objeto de desejo craft. Via fórum do Superziper descobri que outras meninas também querem o mesmo tipo de porta-retrós mas não sabem onde encontrá-lo. Me parece ser algo que não existe em pronta entrega, algo para se encomendar com um bom marceneiro. Já tenho uma lista de alguns fornecedores de outros estados gentilmente indicados por crafiteiras amigas mas será que alguém conheceria algum marceneiro caprichoso que faça um porta retróz bonito como este e que seja aqui de São Paulo ? Ficarei agradecida se alguém puder dar uma dica. Uma das minhas metas para 2008 é conseguir o meu sonhado porta retrós, se os deuses do craft me guiarem eu vou conseguir :) UPDATE 03/04/2008: Eu já consegui :)

Enquanto eu fico aqui obcecada com o meu porta-retrós, gente criativa inventa seus próprios acessórios handmade para o craft room. Se você não tem muitas linhas o porta retrós pode ser de mesa: como este, feito pela Gisele~Gergelim. A própria Gisele explicou no fórum como fez :

Usei papel paraná 3 milímetros para as bases e um de 1 mm para as laterais. No paraná de 3 mm, fiz furos com furador de couro que pra encaixar o palito de churrasco. Aí e só enxer o buraquinho com cola de isopor, e na pontinha do palito também. Quando os dois secarem, pôr o palito no buraquinho que cola na hora. Depois de tudo seco, eu pintei com tinta acrílica. ”

Outro achado para o craft room é esta mini tábia de passar, para mesa, feita pela Mila Viegas.
São as crafters brasieleiras mostrando super talento para produzir seus próprios acessórios !

************************************

Outras idéias para inspirar, estas vêm de fora :

* Uma cesta para tricô feita com uma blusa de tricô feltrado, da Kathtyn Ivy. Ela usou um suéter de lã pura que achou numa charity shop e transformou-o nesta cesta bacana. Leia mais no Blog dela.

* Uma linda estante para materiais de craft, da Amber in Nolfolk. As cores vivas que elas escolher para a decoração fazem toda a diferença. Eu só não guardaria minhas lãs tão expostas desta maneira, para evitar o acúmulo de pó. Leia mais no blog dela, Aim True.

* Um jeito legal de organizar suas fitas , via Something Hidding in Here. Estas placas furadinhas + ganchos são super fáceis de encontrar em São Paulo em lojas especializadas , como as da Rua Paes Leme, em Pinheiros. Mais uma foto aqui. Obrigada querida Alice Batelli pela dica :)

* Você como eu detesta guardar revistas empilhadas ? Guarde-as na vertical, como nas bibliotecas. PAP para fazer seus próprios porta revista de papelão, via Instructables.

* Adesivos para organizar decentemente suas mil e uma amostrinhas de tecido em fichários, via Craft: blog. Não é uma boa idéia ? Necessito !

23 mar 08
inspiraçãotricô e crochê
Livro: Amigurumi Animals
por Andrea

Amigurumi Animals

A Annie Obaachan se formou no Bunka Fashion College de Tokyo, mudou-se para Londres e acaba de lançar o seu primeiro livro solo, o Amigurumi Animals . Reparem que o sobrenome da Annie significa “vovozinha” em japonês ! Apenas uma ironia porque com este livro ela justamente mostra que crochê é coisa de vovó sim, mas no bom sentido, pois pode também ser um hobby cool, que passa longe de toalinhas de mesa.

Eu tive a honra de receber o meu exemplar cortesia direto da editora St Martin’s Griffin, de Londres na última sexta-feira, junto com uma notinha de agradecimento. Não preciso dizer que amei o livro. É cheio de receitas de animais foférrimos de amigurumis.

E agora uma surpresa : há uma página no livro dedicado ao trabalho de crochê da Lacrafi :) . Faz parte de um capítulo chamado Amigurumi Gallery onde a Annie selecionou fotos de trabalhos de crafters do mundo todo. Eu tenho a honra de estar lá, junto com gente super talentosas. Olhem só :

Amigurumi Animals

As receitas de amigurumi do livro vão das mais simples as mais complexas, portanto servem tanto paras iniciantes quanto para masters no crochet a procura de inspiração. Acima de tudo, o livro é super bem produzido e o conteúdo ilustrativo e bem detalhado, como um bom livro de crafts tem que ser. Dá uma espiadinha em alguns dos animais que a Annie ensina a fazer:

Amigurumi Animals

Gostou ? Na Amazon já tem. Provavelmente aqui no Brasil dá para encomendar na Livraria Cultura também. O ISBN-13: 970-0-312-37820-2. É um livro que enche os olhos, bem bacana de ser ter.

19 mar 08
craft tour
Vitrines de Páscoa, London style
por Claudia

Páscoa, Something Nice
Vitrine da loja Something Nice, com ninhos, guirlandas e ovinhos coloridos

Quando falei pra Andrea que tinha umas fotos das vitrines daqui de Londres enfeitadas para a Páscoa, ela comentou “que bom, porque aqui é só chocolate, chocolate e chocolate”. Domingo passado saí com a câmera em mãos no bairro de Chiswick, West London, pra mostrar como algumas das lojas de Londres se prepararam para a Páscoa de 2008. Deixo meus comentários e esperamos ouvir de vocês o que viram de diferente, ou repetitivo, na sua cidade. Os comentários estão lá embaixo!

. Aqui também tem muito chocolate, chocolate e chocolate.

. Os ovos de chocolate normalmente vem em caixas. Aquela embalagem de ovo de Páscoa tão tradicional no Brasil deve ser uma herança dos italianos. Só achei ovos em celofane num empório de produtos italianos.

. Achei ovos com preços acessíveis, mesmo convertendo de libras para real. Um ovo grande de supermercado custa uns 4 ou 5 pounds (R$ 18 à R$ 22). E todas as marcas fazem ovos-lembrancinha, bem pequenos, por uns 60 ou 70p (menos de R$ 3).

. Mesma história do Brasil. As grandes marcas de chocolate vestem os ovos com seus produtos. Não tem ovo de Sonho de Valsa ou de Bis, mas tem de Maltesers, u-hu!

. Pra quem espera o mês de Páscoa para comer colomba pascal, por aqui vai ter problemas – é coisa rara. Só se acha no Carluccio’s, uma rede italiana de restaurantes, ou em pequenos mercadinhos italianos. No Soho tem alguns.

. Ovos orgânicos vendem bem. Green & Blacks é uma marca de chocolates orgânicos que vende em qualquer supermercado. O meio amargo é uma delícia!

. Além do coelho, outros símbolos muito fortes de Páscoa são ovos, ninhos e pintinhos.

. Falando em coelhos, esse ano eles apareceram com traços mais realistas, com cara de coelho de verdade. Poucos são estilizados ou cartoon.

. Cores muito presentes na Páscoa daqui são o verde e o amarelo. O verde acho que tem a ver com o inverno indo embora e as folhagens começando a aparecer, como se eles comemorassem a chegada da Primavera. Sempre tem um coelho na grama, com flores amarelas e laranjas. São as cores expulsando o cinza do frio.

. Os ingleses adoram acessórios temáticos para a casa. Vi muitas guirlandas, enfeites de mesa, “espetos” enfeitados para colocar em vasos e por aí vai.

. O enfeitinho mais barato e tradicional da Páscoa aqui são uns pintinhos amarelinhos, que parecem ser feitos de pompom. São vendidos em qualquer lugar e servem pra ser espalhados pela casa.

. Ovos de galinha enfeitados também estão com tudo. Podem ser os de verdade, pintados, ou de cerâmica. Ninhos ajudam a fazer uma boa composição.

 

Páscoa, newstandPáscoa, Paperchase
Pintinhos amarelinhos à venda aos milhões em banca de jornal. À direita, Paperchase, uma papelaria que é o máximo. A vitrine não está a altura do que eles têm a venda – vejam o site!

Páscoa, restaurante polonêsPáscoa, charity shop
Restaurante polonês faz um mix de pintinhos, ninhos, ovos e ilustrações retrô. Essa pata de chapéu me lembra uns cartões de aniversário que me deram com 3 ou 4 anos. A direita, coelho de pelúcia rosa vintage – parece o da propaganda da Duracell ;-)

 

Páscoa, floriculturaPáscoa, Charity shop
Os patos cabeçudos são enfeites para encaixar em buquês ou vasos de flores, à venda em uma floricultura de bairro. Ao lado, “espetos” de coelhos com a mesma função (vitrine de uma charity shop)

Páscoa, Whittard of ChelseaPáscoa, Mortimer Bennett
Muitos coelhos de chocolates e mini-ovinhos. Os coelhos dourados são da Lindt, hummmmm! Esquerda: Whittard of Chelsea, uma loja de chás e cerâmicas. Direita: Mortimer & Bennett, um empório gourmet independente

Páscoa, WoolworthPáscoa, Woolworth
Ovos de chocolates de supermercado. Essas duas fotos foram tiradas na Woolworth’s, uma espécie de Lojas Americanas daqui. Foto dos ovos com preços em conta, pra quem quer dar uma simples lembrancinha.

Páscoa, Caffé Divina DelicatessenPáscoa, As Nature Intended
Ovos italianos no estilo brasileiro (ou seria o contrário?) e colombas à venda no Caffé Divina Delicatessen. À direita, os ovos orgânicos expostos na vitrine de um supermercado orgânico, As Nature Intended

Páscoa, WhiskPáscoa, Robert Dyas
As invenções inúteis que você compra por impulso, usa uma vez e depois nunca mais. Esquerda: Bunny Hutch à venda na Whisk. Direita: Fonte de chocolate para fondue na Robert Dyas.

Páscoa, LondonzuPáscoa, Frivoli Art
Coelho psicodélico em loja de bijuterias, Londonzu. A direita, até a loja de objetos de arte entrou no espírito de Páscoa, com quadros e esculturas de coelhos – Frivoli Art.

Páscoa, The Bay TreePáscoa, Jojo Maman Bebe
Ovos em cerâmica com pintura delicada e aplicações de cristais, em loja de presentes, The Bay Tree. Ao lado, coelho feito à mão para loja Jojo Maman Bébé

* * * * * * * * * *
Também no Superziper: Se você também acha que secar louça é uma das tarefas domésticas mais chatas que existem, confira uma solução muito mais charmosa pra sua cozinha. Busque outras matérias por categoria ou confira o índice completo.

18 mar 08
outros bla bla blas
Órfã de revista
por Andrea

Ready Made

Sabe quando você descobre uma revista nova e ama tanto que começa a colecionar avidamente todos os exemplares ? Adora ler e reler as matérias e até conta os dias para comprar o próximo exemplar nas bancas ? Pois é isso aconteceu comigo quando descobri a revista americana Ready Made. Ela era tudo o que eu sonhava em ler em termos de DIY, com idéias criativas, úteis, e acima de tudo com visual moderno, uma alternativa mais cool à tradicionalíssima Martha Stewart Living ( que por sinal também compro e sou fã).

Minha felicidade durou pouco. Boo-hoo. Parece que pararam de importantar a revista no Brasil. Está literalmente impossível de achá-la aqui em São Paulo. Já apelei para FNAC, Cultura e todas as mega bancas da Paulista. Minha revista preferida de todos os tempos me abandonou, gente. Este post é mais um desabafo, uma lamento de órfã mesmo. Ei , alguém mais por aí gostava da Ready Made ou era só eu que a comprava ? Teriam exemplares para me vender (o último que achei era de nov 2007) ? Help !

Para vocês terem um gostinho da revista Ready Made vale muito a pena xeretar o website. O exemplar atual ( a revista é bimestral) tem como tema Organização, algo que segundo eles virou obsessão dos americanos. Hummm eu acho que mania de organizar tudo já chegou aqui, afinal quem já não tem os best selleres da Donna Smallin “Casa Limpa e Arrumada” e “Organize-se “. Ou mesmo se empolgou lendo os posts de organização de craft rooms aqui no Superziper.

Olhem só este desafio que bárbaro: um porta revistas feito com guarda-chuva quebrado. Se eu fosse uma revista com certeza eu queria ser a Ready Made !

Página 1 de 3123