21 jul 08
blogueira convidadacostura
DIY: Como fazer matelassê
por Andrea

Matelasse - resultado

Por Elisa Dantas, blogueira conviada especial

Olá, pessoal! Fizemos uma enquete algumas semanas atrás sobre qual passo-a-passo vocês gostariam de ver. Por muito pouco (a disputa foi acirrada!) ganhou uma técnica chamada matelassê, que consiste em agregar textura ao tecido. O exemplo mais comum que todos conhecemos é o edredom. Para que ele fique quentinho e gostoso são aplicados diferentes padrões com costura e uma manta entre o tecido de cima e o forro. Mas nem só de edredom vive o matelassê. Marcas chiques de bolsas usam a técnica para deixá-las cheias de glamour e ultimamente o matelassê vem ganhando espaço em peças de roupa, biquínis e até fachadas de prédios! Vamos aprender a costurar o matelassê (até rimou, hehe)?

Matelassê - materiais

Você vai precisar de:
– Tesoura ou cortador circular (caso use o cortador, separe também a placa de corte e a régua)
– Linha de costura comum ou para pesponto (caso queira que a linha se destaque)
– Agulha para máquina comum (nº14)
– Agulha comprida para costura à mão
– Dois cortes de tecido de qualquer tamanho (um para o direito e outro para o forro), com 5 cm de sobra para cada lado
– Manta acrílica com as mesmas medidas do tecido, com 5 cm de sobra para cada lado
– Barra de quilt. Se a sua máquina não tiver este apetrecho (a maioria não tem!), use:
– Régua
– Giz de alfaiate de cor clara (amarelo ou branco) ou marcador de tecido
DICA: Este tecidinho já costurado é a amostra, que deve ser feita antes de qualquer coisa, para regular qual ponto será mais adequado e para ajustar a tensão da linha. Faça isso montando um sanduíche com tecido+manta+forro com retalhos até encontrar o ajuste ideal na sua máquina.

Matelassê - passo 1 Matelassê - passo 2

1) Vamos começar com o tipo mais simples de matelassê: linhas paralelas e transversais. No lado direito do tecido que ficará à mostra, trace duas linhas transversais no meio com o giz de alfaiate clarinho ou com aqueles marcadores de tecido que saem depois. Use a régua com cuidado, para deixá-las num ângulo de 45º perfeito. Estas serão as linhas-guias do trabalho, se estiverem tortas irão comprometer todo o trabalho final.

2) Decida a distância que suas linhas terão. Eu sigo a seguinte lógica: quanto mais grossa for a manta, maior a distância. Assim seus quadrados (ou losangos) ficarão sempre bem fofinhos! Neste caso dei o espaçamento de 3 cm, pois a manta é fina. Se tiver a barrinha de quilt, siga para o próximo passo! Se não, trace mais linhas, a partir das do meio, com a distância escolhida.

Matelassê - passo 3 Matelassê - passo 4

3) Faça um sanduíche com o tecido de cima, a manta e o forro. Para não errar, lembre-se de que a manta sempre fica em contato com o avesso dos tecidos.

4) À mão, faça alinhavos firmes, porém espaçados nas extremidades, unindo todas as camadas. Não tente usar alfinetes, eles irão mover o tecido e podem até entortar, dependendo da espessura/densidade da manta. Na máquina de costura, insira a agulha no tecido, em uma das extremidades de uma das linhas do meio. Costure, com pontos largos (entre 3 e 5).

Matelassê - passo 5 Matelassê - passo 6

5) Agora o passo é diferente para quem tem ou não a barra de quilt.
· Se tiver: posicione a barra no pequeno “vale” que se formou na costura feita anteriormente. A distância da barra à agulha deve ser a mesma que definimos antes (3cm). Vá fazendo as outras linhas, sempre se guiando pela costura anterior, com a barrinha. Primeiro fazendo todas as linhas de uma direção (aqui começo pelas diagonais) e depois em outra, sempre do meio para fora. Não é necessário fechar a costura (retrocesso).
· Se não tiver: Siga as linhas desenhadas no tecido e vá costurando, uma após a outra, seguindo a mesma direção. Sempre começando do meio para fora.

DICA: Sempre costure do meio para fora em uma direção (como na seta). Somente depois vá para a outra, para evitar que os quadrados fiquem desiguais ou que as costuras “comam” tecido.

Matelassê - passo 7 Matelassê - passo 8

6) Pronto! Veja como ficou lindo nosso matelassê! Entende agora porque deixamos as sobras de 5 cm no tecido? A cada costura ele vai encolhendo um pouquinho, e dependendo da espessura da manta ele encolhe mais ainda! Portanto sempre faça um teste com os materiais que irá usar, deixando bastante margem, principalmente se a peça for grande como uma bolsa ou até mesmo um edredom. Agora é só cortar as sobras e fazer o que quiser com esta peça! Existe uma variedade enorme de produtos interessantes em matelassê. Eu já fiz uma luva de forno e adorei! Crie a sua peça e mostre pra gente no grupo do SuperZiper.

Matelassê - passo 9

DICAS DA ELISA:
*Muita margem de costura! É muito importante que deixe bastante sobra, pois o tecido inevitavelmente irá encolher com a costura (já é possível observar o encolhimento na hora do alinhavo). Use o bom-senso. Se for fazer uma bolsa com manta comum, 5 cm de cada lado já são suficientes. Se for fazer um edredom com uma manta grossa, a margem será maior.
*Teste antes! Faça sempre um teste com a manta, tecido e linha que irá usar, ajustando sua máquina de acordo. Use pontos maiores, pois eles também ficarão um pouco menores do que o normal no final.
*As marcações e a costura são no lado direito. É isso mesmo, não tenha medo, o giz de alfaiate clarinho sai facilmente e hoje em dia existem marcadores de tecido que saem com a água ou até com o contato do ferro quente se você estiver inseguro(a). E inevitavelmente os pontos do avesso não ficarão tão bonitos quanto os do direito… Se você é iniciante, tentar chegar à perfeição logo no começo será frustrante. Vá devagar, “pegue o jeito” até conseguir.
*Não tem uma barra de quilt? Tudo bem! Existem diversas maneiras de se fazer a mesma coisa. Isso vale pra tudo na vida e principalmente na costura. No meu caso, quando eu não tinha a barrinha, traçava as linhas como descrevi acima. A tem um jeito diferente, que é fazer um molde em papel com a medida da distância entre as linhas, para ir usando como guia. Descubra o seu!
*E se a manta vier amassada da loja? Nunca passe-a com o ferro, nem que esteja super-amassada! Tente deixá-la por uns dias embaixo de livros pesados ou passar com um pano grosso por cima, pois ela derrete, como todo material sintético.
*Saia da rotina! Existem diversas padronagens de matelassê. O método não muda, a única coisa a se observar é sempre começar do meio para fora do tecido. Neste site de uma empresa de edredons, há uma variedade grande de modelos. E você também pode criar a sua!
*E o pulo do gato é : Enquanto costura a linha, empurre o tecido na direção de dentro para fora, não deixando nenhuma rugosidade, até apertando um pouquinho a manta. Vá devagar com a máquina e sempre empurre o tecido para fora, assim terá quadradinhos perfeitos, sem rugas!

* * * * * * * * * *
Também no Superziper: Confira a aula passada da Elisa, que mostrou como perder o medo de pregar um zíper e de quebra fazer uma necessárie ou estojo.

83 ZigZags
  1. Nelma disse:
    21 de julho de 2008 às 18:09

    Adorei!! Estou pra fazer uma bolsa faz dias e agora me veio “inspiração”. Vou tentar algo assim. Valeu!!

    Responder
  2. Nelma disse:
    21 de julho de 2008 às 18:09

    Adorei!! Estou pra fazer uma bolsa faz dias e agora me veio “inspiração”. Vou tentar algo assim. Valeu!!

    Responder
  3. Kitana disse:
    21 de julho de 2008 às 19:37

    oi, amei ver o tutorial de matelassê. Acho muito lindo isso! Eu já fiz antes com o feltro. Foi minha primeira vez. e não tinha visto nenhum tutorial. Comecei fazendo mesmo e deu certo. Fiz como uma almofadinha. Vou colocar a foto lá no grupo. Beijos

    Responder
  4. Kitana disse:
    21 de julho de 2008 às 19:37

    oi, amei ver o tutorial de matelassê. Acho muito lindo isso! Eu já fiz antes com o feltro. Foi minha primeira vez. e não tinha visto nenhum tutorial. Comecei fazendo mesmo e deu certo. Fiz como uma almofadinha. Vou colocar a foto lá no grupo. Beijos

    Responder
  5. Isabella disse:
    21 de julho de 2008 às 20:16

    A-D-O-R-E-I! Continuem assim.

    Responder
  6. Isabella disse:
    21 de julho de 2008 às 20:16

    A-D-O-R-E-I! Continuem assim.

    Responder
  7. 22 de julho de 2008 às 03:18

    oI
    adorei teu blog , eu tb tenho um blog sobre tricô, visite – me
    http://agulhaetricot.blogspot.com/
    Atenciosamente
    Roberta

    Responder
  8. 22 de julho de 2008 às 03:18

    oI
    adorei teu blog , eu tb tenho um blog sobre tricô, visite – me
    http://agulhaetricot.blogspot.com/
    Atenciosamente
    Roberta

    Responder
  9. Fabiana disse:
    22 de julho de 2008 às 08:35

    Super legal!!!

    Responder
  10. Fabiana disse:
    22 de julho de 2008 às 08:35

    Super legal!!!

    Responder
  11. Elisa disse:
    22 de julho de 2008 às 14:00

    Meninas, obrigada! Façam suas peças com matelassê e mostrem pra gente no grupo do SuperZiper!

    Responder
  12. Elisa disse:
    22 de julho de 2008 às 14:00

    Meninas, obrigada! Façam suas peças com matelassê e mostrem pra gente no grupo do SuperZiper!

    Responder
  13. Carla disse:
    22 de julho de 2008 às 14:21

    Adorei o blog, já coloquei o link e uma notinha lá no meu.
    Beijos.

    Responder
  14. Carla disse:
    22 de julho de 2008 às 14:21

    Adorei o blog, já coloquei o link e uma notinha lá no meu.
    Beijos.

    Responder
  15. Fabihenkes disse:
    22 de julho de 2008 às 18:26

    Puxa!!!Que legal!!Adorei o tutorial de matelassê! Aliás vcs sempre colocam coisas interessantes no blog. Continuem assim. Bjs

    Responder
  16. Fabihenkes disse:
    22 de julho de 2008 às 18:26

    Puxa!!!Que legal!!Adorei o tutorial de matelassê! Aliás vcs sempre colocam coisas interessantes no blog. Continuem assim. Bjs

    Responder
  17. 24 de julho de 2008 às 11:24

    Acho muito legal as dicas de vcs. Eu faço bolsas usando muito matelassê e com o tempo a gente pega prática, mais vale mesmo o capricho. Adoro fazel o quilt livre, com curvas e linhas diversas sem me prender em um único padrão.

    Responder
  18. 24 de julho de 2008 às 11:24

    Acho muito legal as dicas de vcs. Eu faço bolsas usando muito matelassê e com o tempo a gente pega prática, mais vale mesmo o capricho. Adoro fazel o quilt livre, com curvas e linhas diversas sem me prender em um único padrão.

    Responder
  19. 05 de novembro de 2008 às 21:59

    Eu tenho uma dica legal para “desamassar” a manta acrilica.
    Eu testei e dá certo.
    Quando comprarem a manta e ela vier toda “amassada” é só colocar na secadora de roupas junto com um pano ou toalha umidos. Fica perfeita!
    Bjs a todas.

    Responder
  20. 05 de novembro de 2008 às 21:59

    Eu tenho uma dica legal para “desamassar” a manta acrilica.
    Eu testei e dá certo.
    Quando comprarem a manta e ela vier toda “amassada” é só colocar na secadora de roupas junto com um pano ou toalha umidos. Fica perfeita!
    Bjs a todas.

    Responder
  21. Lia disse:
    10 de novembro de 2008 às 16:33

    Gracinha esse post do matelassê!!
    Agora uma dica pra coisa funcionar melhor:
    É bom usar o pé de quilt reto (também conhecido como pé para matelassê ou “walking foot”). O galho é o seguinte: quando a gente costura as 3 camadas (tecido + manta + forro, tb chamado de sanduíche no patchwork), os dentes impelentes da máquina puxam o sanduíche, enquanto o pé comum empurra na outra direção. Ou seja, faz preguinha…
    Se usar o pé de quilt, não vai acontecer isso porque ele ‘anda’ em cima do sanduíche, o movimento do pé realmente lembra uma passada.
    Outra opção é usar o pé de zíper, que não ‘pesa’ tanto sobre o sanduíche. ;-)

    Beijos!

    Responder
  22. Lia disse:
    10 de novembro de 2008 às 16:33

    Gracinha esse post do matelassê!!
    Agora uma dica pra coisa funcionar melhor:
    É bom usar o pé de quilt reto (também conhecido como pé para matelassê ou “walking foot”). O galho é o seguinte: quando a gente costura as 3 camadas (tecido + manta + forro, tb chamado de sanduíche no patchwork), os dentes impelentes da máquina puxam o sanduíche, enquanto o pé comum empurra na outra direção. Ou seja, faz preguinha…
    Se usar o pé de quilt, não vai acontecer isso porque ele ‘anda’ em cima do sanduíche, o movimento do pé realmente lembra uma passada.
    Outra opção é usar o pé de zíper, que não ‘pesa’ tanto sobre o sanduíche. ;-)

    Beijos!

    Responder
  23. Elisa disse:
    10 de novembro de 2008 às 18:01

    Lia, que bom que você lembrou do “walking foot”! Na verdade, costurei a luva com ele, só me esqueci de avisar o pessoal deste detalhe!

    A gente vai fazendo as coisas “no automático” e acaba esquecendo que nem todo mundo já sabe, né?!

    Ciça, a sua idéia pra desamassar a manta é ótima, vou testar!

    Sol, concordo com você. O capricho tem que ser a prioridade quando se trata de costura… Mesmo com pouca habilidade na máquina, um trabalho simples se destaca quando feito com capricho!

    Carla e Fabi, um beijo e obrigada pelo incentivo!

    Responder
  24. Elisa disse:
    10 de novembro de 2008 às 18:01

    Lia, que bom que você lembrou do “walking foot”! Na verdade, costurei a luva com ele, só me esqueci de avisar o pessoal deste detalhe!

    A gente vai fazendo as coisas “no automático” e acaba esquecendo que nem todo mundo já sabe, né?!

    Ciça, a sua idéia pra desamassar a manta é ótima, vou testar!

    Sol, concordo com você. O capricho tem que ser a prioridade quando se trata de costura… Mesmo com pouca habilidade na máquina, um trabalho simples se destaca quando feito com capricho!

    Carla e Fabi, um beijo e obrigada pelo incentivo!

    Responder
  25. 17 de junho de 2009 às 17:44

    Vcs saberiam informar algum fabricante dessa Manta Acrílica?
    Agradeço a todos, a idéia foi muito boa.

    Responder
  26. 17 de junho de 2009 às 17:44

    Vcs saberiam informar algum fabricante dessa Manta Acrílica?
    Agradeço a todos, a idéia foi muito boa.

    Responder
  27. andrea disse:
    17 de junho de 2009 às 18:01

    orlando

    procura em casade tecido para partchwork, existem várias marcas tanto nacionais como importadas, não me lembro de nenhuma agora de cabeça…se a elisa souber…
    bjs

    Responder
  28. andrea disse:
    17 de junho de 2009 às 18:01

    orlando

    procura em casade tecido para partchwork, existem várias marcas tanto nacionais como importadas, não me lembro de nenhuma agora de cabeça…se a elisa souber…
    bjs

    Responder
  29. Poliana disse:
    30 de junho de 2009 às 18:40

    O adesivo spray temporário Paper Plott, facilita muito o trabalho é uma verdadeira revolução.

    Responder
  30. Poliana disse:
    30 de junho de 2009 às 18:40

    O adesivo spray temporário Paper Plott, facilita muito o trabalho é uma verdadeira revolução.

    Responder
  31. Anonymous disse:
    26 de novembro de 2009 às 01:53

    Adorei essa aula sobre matelasse, muito bem explicada,dicas muito importantes para um trabalho bem feito. Não conhecia este blog, agora sou fã, parabéns

    Responder
  32. 16 de janeiro de 2010 às 12:58

    Bárbaro! Eu li bem rapidinho pois estou já tendo que me desconectar, mas me pareceu extremamente bem explicado. Uma coisa! obrigada ao blog e parabéns a artesã que disponibilizou. Estou para fazer uma carteira e isto vai ajudar horrores! Beatriz. Bia Azevedo, blog http://www.petitartiste.blogspot.com

    Responder
  33. 17 de janeiro de 2010 às 21:30

    Oi Superziper. Eu vi e li o link sobre as bolsas de grife usando a técnica do matelasse e a opinião lá no site em questao nao é favoravel as bolsas mostradas, no caso as de Balenciaga. Acharam que as bolsas sao pouco criativas e deixam a desejar, parecendo o tipo de bolsa na qual alguem levaria o material de trico. De fato, nas bolsas de couro eu também nao vi nenhuma beleza, mas por exemplo, numa bolsa com um destes lindos tecidos que a gente usa no patchwork arrasam de verdade. De qualquer forma, o matelasse é uma tecnica para muitos outros tipos de trabalho e este tutorial está ex-ce-len-te. Valeu. Beatriz

    Responder
  34. Anonymous disse:
    26 de fevereiro de 2010 às 11:44

    Bom Dia…..a todos do forum…sou fabricante deste material q vc´s usam, o "Matelassê" caso tenham interesse favor entrar em contato no telefone: 2694.9424
    Att Uilian ou Anderson

    Responder
  35. Bizóia disse:
    22 de março de 2010 às 21:38

    Olá, tenho aprendido tanto que as suas postagens!!! Amei o seu Blog, tem sido o meu professor online!!!
    sucesso sempre!!!

    Responder
  36. Paolla disse:
    08 de abril de 2010 às 15:37

    oi, gostaria que você ensinasse a fazer o matelasse também em retangulo e outras formas.

    Responder
  37. Irene Oliveira disse:
    12 de abril de 2010 às 16:07

    Gostei muito da dica como fazer metalasse, estava com muita dúvida de como fazer uma colcha, agora estou sem dúvidas.

    Responder
  38. 24 de maio de 2010 às 11:09

    olá, seu blog e lindo e muito util, estou aprendendo muito com ele, que bom que tem pessoas como voce, que nao tem medo de ensinar o que sabe, assim voce nao acumula o seu conhecimento e se da a chance de tambem aprender, estou querendo fazer colcha em matelasse, mas a maquina nao ajuda muito, sera que voce pode me dar uma dica sobre uma maquina que faça a colcha de matelasse sem ser as industriais? Obrigada.

    Responder
  39. marri disse:
    28 de maio de 2010 às 10:35

    Olá, a tempos estou querendo uma bolsa nesse estilo, mas não acho em minha cidade :S… gostei do passo a passo, minha mãe faz bolsas tb, mas ainda não conhecíamos a técnica…

    Mas uma coisa que eu gostaria de saber é: Qual tecido eu posso utilizar ??? oõ

    Obg desde já… beijos e parabéns pelo blog, aqui é tudo muito lindo!!! :D

    meu blog é: http://www.entrelinhas-vidaearte.zip.net

    Responder
  40. Joice disse:
    13 de julho de 2010 às 23:32

    Alguém sabe onde compro essa barra quilt e quanto custa?
    sou do RJ… Beijinho e obrigada!!!

    Responder
  41. Adriana disse:
    14 de julho de 2010 às 15:52

    Olá. tenho uma dúvida. Se começar do meio para fora e não der retrocesso não vai desmanchar a costura?

    Bjs

    Adriana

    Responder
  42. Eni disse:
    29 de julho de 2010 às 22:51

    Adoro!!!!!!!!!!
    Me diz: Precisa de um pé especial para costurar a técnica do matelassê?

    Responder
  43. 02 de agosto de 2010 às 10:57

    Oi…vc foi de grande ajuda prá mim…há tempos procuro alguem que explique tão bem. Vc poderia escrever um sobre bolsa dupla face…eu adoraria.Passarei por aqui sempre
    Obrigada por me tirar os medos
    abraço

    Responder
  44. 16 de agosto de 2010 às 13:48

    Fiz a bolsa de matelassê e fiquei viciada. Tenho uma loja no Elo7 e estava precisando fazer coisas diferentes.
    Ficou muito legal.Tb perdi o medo de colocar ziper…adoro agora colocar ziper…rs…
    Abraço

    Responder
  45. Kris disse:
    10 de setembro de 2010 às 17:19

    Olá!!!
    Eu estou fazendo uma mochila de matelassê, usando aquela barrinha de quilt.
    O que aconteceu, foi que as linhas de costuras paralelas, foram entortando, ficando meio arredondadas.
    Queria saber o que pode ter sido!
    Se alguém puder me dar dicas a respeito… agradeço!!

    Responder
  46. Nivia Mara Leal disse:
    09 de outubro de 2010 às 13:13

    gostei muito nas me responda se posso costura na maquina indrustrial

    Responder
    • Andrea disse:
      09 de outubro de 2010 às 15:32

      pode sim.

      Responder
  47. majot disse:
    25 de dezembro de 2010 às 14:50

    Oi meninas, esse post me foi muito útil, estou me aventurando no quilting e gostaria que me informassem onde posso comprar a barra de quilt, já procurei na net e não encontrei.
    Muito grata e parabéns!!

    Responder
  48. evani antunes da silva disse:
    28 de fevereiro de 2011 às 14:42

    gostaria de saber onde compro a barra de quilt; muito boa as dicas valeu mesmo. tenho estofaria e gosto de novidades , que venha somar. no trabalho

    Responder
  49. Maria José disse:
    03 de março de 2011 às 11:37

    Amei o site de vcs, e em especial a maneira clara como explicam com palavras e fotos com resolução, fica muito mais agradável de estudar o passo a passo.
    Podem me responder por gentileza, qual a máquina de costura que vcs estão usando no “DIY-Como fazer matelassê”? É que estou a procura de uma que faça quilt e pactwork. Podem me aconselhar? Sabem onde posso comprar uma nova ou usada?
    Aguardo vcs.
    Abraços e que Deus dê muita criatividade com amor em tudo que fizerem. Meu apelido é Zezé. Sou mineira,de Ouro Fino.

    Responder
  50. iRACI sILVEIRA disse:
    16 de maio de 2011 às 17:54

    Adorei tudo
    Preciso saber onde comprae o quilt? moro em Salvaor-Bahia

    Responder
  51. paula maria venancio da silva disse:
    28 de maio de 2011 às 21:43

    OLA MENINAS gostaria de saber se voces sabem como fazer a tecnica do pano amassado que se usa no patchwork .Porfavor se souberem gostaria muito de aprender. Adoro o superziper aprendo sempre a fazer coisas diferentes com voces . Beijos e muito susseso.

    Responder
  52. lucia disse:
    30 de maio de 2011 às 21:14

    ola! adorei tudo que vcs ensinaram, trabalho com decoraçao de interiores, e faço de tudo que possam imaginar, vou de fabricar estofados a cenario de teatro, adoro artezanato e invento de um tudo, faço pátina, restalro pintura em móveis, enfim, até curso de pedreiro já fiz imaginem rs rs rs. faço matelasse do meu jeito, porem gostaria de saber como contornar os desenhos de tecidos estampados para fazer colchas etc… por favor me orientem. Muito obrigada bjs

    Responder
  53. soraia disse:
    04 de junho de 2011 às 20:04

    Amei a dica!! Pequenos detalhes que fazem a diferença!
    Valeu!
    Bjo!

    Responder
  54. Sandra disse:
    14 de junho de 2011 às 23:47

    Para fazer riscos no tecido , uso sobras de sabonete , quando ficam bem fininhas , pois saem facilmente qdo.se lava e ainda deixam a peça que está sendo feita , perfumada .

    Responder
  55. Regina Farias Goulart disse:
    21 de junho de 2011 às 16:02

    Adorei a esplicação de como fazer matelasse e gostaria que saber como faço para adquirir a barra de quilt e que tipo de loja de puder ser atentida obrigado.beijos

    Responder
  56. Helena disse:
    10 de julho de 2011 às 14:19

    Só posso dizer uma coisa OBIGAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAADA!!!
    Por tâo grande generosidade.
    Bjos
    Helena

    Responder
  57. Paula disse:
    21 de julho de 2011 às 21:09

    Sei que o post é hiiiiiiper antigo mas acho q tá valendo rsrsrs

    Por acaso você não sabe alguma loja/site que venda o matelassê pronto já pra cortar e criar as peças?

    Obrigada o/

    Responder
  58. Ana Cristina disse:
    19 de agosto de 2011 às 11:39

    olá meninas simplesmente amei esse tutorial sobre matelassê;muito obrigado pelas informações;depois se vocês puderem visitem o meu blog(crisedoug.blogspot.com),aguardo a visitinha,abraços!!

    Responder
  59. 05 de setembro de 2011 às 15:22

    Realmente as dicas e os comentarios foram muito úteis para mim.Parabens aos organizadores e muito sucesso.

    Responder
  60. Denise Jayme disse:
    15 de setembro de 2011 às 13:40

    Obrigadaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa ! estou tentando fazer um cobre leito para o quarto do meu neto com o motivo do Batman e não sabia como começar, assim que ficar pronto mando foto um grande abraço.

    Responder
  61. Nivia disse:
    12 de outubro de 2011 às 15:05

    Estou fazendo duas colchas de patchwork com aplicação de camponesas para a cama das minhas filhas, já emendei os quadros, mas está dando insegurança na hora de rechear com matelassê. Usando suas dicas do alinhavo, acho que conseguirei. Obrigado.

    Responder
  62. silvia disse:
    13 de outubro de 2011 às 23:58

    adorei as dicas, vou tentar e depois te falo, beijos

    Responder
  63. lucy disse:
    23 de janeiro de 2012 às 15:35

    Oi! Gostaria de aprender a fazer uma colcha em metalassê. Aguardo as dicas em meu e mail. Obrigada.

    Responder
  64. gisele disse:
    10 de fevereiro de 2012 às 17:27

    olá, Obrigada por postar esse passo a passo, aproveitei suas dicas e fiz uma bela colcha postei no meu blog se puder da uma olhada.To começando e amei seu jeito claro de explicar,
    tem alguns termos que ainda não entendo e não consegui encontrar a barra de quilt para comprar aqui na minha cidade,
    mas deu certo no giz mesmo rsrs bjus…

    Responder
  65. silveli martins disse:
    07 de maio de 2012 às 19:31

    Por gentileza onde posso encontrar esse aparelho Barra de Quilt?

    Responder
  66. soraia amaral disse:
    12 de julho de 2012 às 18:41

    Gente,obrigada pelo pap,entrei pra pesquisar como fazer e encontrei vcs.Quero fazer capas para rolo de cama pra minha filha e com certeza agora eu consigo.Um grande abraço.

    Responder
  67. Simone disse:
    13 de julho de 2012 às 08:13

    Adorei as dicas! Vou fazer sem medo de errar! Beijos

    Responder
  68. glaucia disse:
    06 de agosto de 2012 às 11:13

    Onde podemos comprar tecidos de matelasse pronto?
    tks

    Responder
  69. Sandra disse:
    09 de agosto de 2012 às 18:43

    Elisa gostamos do seu serviço e estamos precisando de um trabalho para 100 peças metalassê em papel tecypaper fornecido por nós você estaria interessada neste trabalho ? Como podemos nos contatar? No aguardo,
    obrigada

    Responder
  70. RUth Emídio disse:
    21 de março de 2013 às 20:38

    Obrigada
    encontrei oque eu queria
    abraços

    Responder
  71. marcia alves disse:
    25 de maio de 2013 às 18:38

    muito obrigada!!!!!!!!!adorei sua explicação,vou começar agora .Um abraço!!!

    Responder
  72. Ivone Marambaia disse:
    09 de julho de 2013 às 13:16

    amei!

    Responder
  73. Eliana disse:
    06 de agosto de 2013 às 11:16

    GOSTARIA MUITO MESMO…QUE ME AJUDASSEM, Se por acaso encontro MATELASSE PRONTO NO BRÁS ,,, SOU de RIO PRETO Interior SP… PRECISO de Metalassê dupla face em algodão..

    Responder
  74. EDNA RODRIGUES disse:
    14 de setembro de 2013 às 01:44

    Adorei sua explicação…. muito obrigada! Agora vou fazer vários para casa e para render… rsrs Grande abraço.

    Responder
  75. lucia disse:
    29 de outubro de 2013 às 09:39

    amei o tutorial, gostaria de saber onde encontro o matelassê para comprar para fazer umas capas para cadeira.

    Responder
  76. Hilma Mardock disse:
    27 de novembro de 2013 às 12:47

    Oi foi muito bom encontrar vcs, estou tentando entrar no ramo de trabalho, e só agora eu realmente sei o que é matelassê, porem gostaria de saber o que é quilt, como ele é trabalhado.
    Espero que possa me ajudar, mas desde já sou grata pelo passo a passo que está sendo mostrado.
    Muito sucesso pra todos.
    Hilma Mardock

    Responder
  77. Hilma Mardock disse:
    27 de novembro de 2013 às 12:53

    Parabéns pelo site, eu estava procurando algo desse gênero e agora eu encontrei. Sucesso.

    Responder
  78. lucia santiago disse:
    27 de agosto de 2014 às 12:03

    estou fazendo, pela primeira vez, um edredon que tem um lado de chitão e outro de algodão, só q eu costurei as três peças juntas (tecido estampado, acrilon e tecido liso)do avesso e depois virei, dessa forma a costura em torno da peça já ficou embutida.Achei o seu método mais interessante, mas como seria o acabamento final…a costura que contorna toda a peça, de que maneira ela é feita…um abraço e parabéns pelo trabalho!

    Responder
  79. Monica disse:
    01 de setembro de 2014 às 16:01

    Qual a linha apropriada para o metalasse de um edredon ou colcha?

    Responder
    • Andrea disse:
      11 de setembro de 2014 às 14:52

      Oi Monica, o mais apriopriado é linha de algodão própria para quiltar. Mas não há regra e você pode utilizar qualquer tipos e linha. bis

      Responder
Deixe seu Comentário

«
»