13 nov 10
craft tour
Direto do Japão: Agulhas artesanais da Misuyabari
por Andrea

quioto

Mais um post sobre minhas andanças pelo Japão. Nesta viagem, além de ir para Tóquio fui explorar  outras partes do país, entre elas a cidade de Quioto, que é conhecida como antiga capital. Adorei! Lá, o contraste do antigo com o moderno é impressionante, apesar de ser uma metrópole, a cidade toda é cheia de pontes, vielas, templos  e casas centenárias. A cada esquina, uma descoberta visual. Também é marcante a presença de artesãos que produzem em seus ateliês –  cerâmicas, bolsas – e super dá pra dar uma espiada através das janelas e portas, que ficam sempre abertos para sorte de quem passa :) .

E eu tinha “um” lugar específico para visitar: a Misuyabari, uma loja que está no negócio de  agulhas artesanais há mais de 300 anos.  Vejam só, uma loja especializada em agulhas ! Coisas de Japão, ou melhor, de Quioto.

misu-1

Tentar chegar lá foi uma aventura pois eu não tinha o endereço certo, apenas algumas coordenadas.  Peguei o metrô e até a estação de metrô Sanjo.  Desci  na saída que dava na Teramachi Dori e caminhei até encontrar a Kawaramachi Dori ( Dori significa rua, em Japonês ). A rua termina numa galeria comercial, cheia de lojinhas populares. Entrei e caminhei pelas lojas até avistar a placa com o nome da Misuyabari, indicando que eu deveria passar  por um corredor estreito. Ufa, eu consegui e estava perto ! Emoção !

Misuyabari

Ao final do corredor parecia que passei por um túnel que me levou a um universo paralelo. A loja fica numa casinha minúscula em estilo japonês, rodeada por um jardim  muito bem cuidado, com direito a fonte e tudo.

misu-2a

Fui recepcionada pelo filho do dono, que  foi muito simpático e permitiu fotos a vontade. Pelo que entendi foi a primeira vez que ele recebeu clientes do Brasil na loja :) .

Mas por que as agulhas da Misuyabari são especiais?  São feitas individualmente com o tamanho e flexibilidade ideais para facilitar o processo de costura manual. O ‘olho’ da agulha é moldado a mão e ao invés de ser oval é redondo, para facilitar a passagem da linha. Pequenos detalhes que fazem toda a diferença para quem costura. Elas vêm em pacotes de vinte unidades e a proposta é que durem a vida toda.

A caixa de alfinetes, juntamente com as agulhas, são os best sellers da loja. Nada lá  é barato, mas pela qualidade, considero o preço justo.  Se eu disser  na rua que paguei R$ 15,00 por uma caixa de alfinetes  vão me chamar de louca, mas com certeza vocês que lêem o Superziper  me entendem.

Misuyabari

Estes alfinetes decorados também estão a venda, eu queria comprar  um de cada só pra deixá-los em display – são tão delicados e decorativos que eu ficaria com muita dó de usá-los. Na loja já deixam uma lupa ao lado da caixa para que os clientes olhem os detalhes das cabecinhas –  nenhuma é idêntica à outra pois são esculpidas artesanalmente, como tudo que está à venda por lá.

Misuyabari

Esta mini caixa de costura é feita e feita com uma madeira especial  e  possui  vedação que impede que as agulhas enferrujem  – o Japão sofre com a forte  umidade do ar  no Verão. Me arrependi depois de não ter comprado pelo menos uma.

Misuyabari

Eles também têm vários porta alfinetes muito lindos  feitos de lã feltrada e de tecido chirimen, uma tradição  dos crafts de Quioto.

A loja é bem pequena e enquanto eu estava lá,  mais clientes chegaram.  No final, éramos umas cinco pessoas e  mal conseguíamos andar lá dentro. Paguei por minhas agulhas e  saí com a sensação de ter conhecido um lugar muito, mas muito especial. Saber que no mundo de hoje ainda existe uma loja como a  Misuyabari me  deixou feliz. É uma prova de que  qualidade e na tradição artesanal ainda têm seu lugar mesmo numa época onde tudo é feito em massa e com pouca qualidade. Já virou uma das minha lojas favoritas em todo o mundo, onde espero poder voltar muitas vezes.

Se passarem por Quioto, super vale a visita. O site da loja, em japonês, está aqui –  mas eles não vendem para fora do Japão.

33 ZigZags
  1. 13 de novembro de 2010 às 21:28

    Nossa, Andrea!

    Esses alfinetes são tudo de lindos, hein?!

    Fiquei aqui imaginando minhas páginas de scrap com eles.

    Ai. Ai. Ô, sonho!

    Beijos e sucesso!!!

    Responder
  2. Solange disse:
    13 de novembro de 2010 às 22:28

    Ainda bem (para o meu bolso) que eles não vendem on-line senão já tinha comprado um jogo de agulhas mais caixinhas mais alfinetes! Coisa mais liiiiinda!

    Responder
  3. 14 de novembro de 2010 às 00:21

    Ai que alegria ler mais de seus posts do Nihon!

    Um dia, irei ao Japão e com certeza, vou levar totemo okane, pq não basta querer comprar, tem que ter okane para bancar todas essas coisas.

    15,00 pelos alfinetes que duram a vida toda? De graça!

    Bom, para a minha sorte, tenho uma amiga que mora lá no Nihon, em Aichi e eu vou comprar as coisas no site e mandar entregar na casa dela, para ela enviar para mim.
    Não sei qdo conseguirei, mas talvez não demore demais.

    ^____^ (aguardando os próximos posts, ansiosamente!)

    Responder
  4. 14 de novembro de 2010 às 00:34

    Que lindas fotos!

    Responder
  5. Lan Succi disse:
    14 de novembro de 2010 às 01:40

    Parabéns pela oportunidade de experimentar uma coisa destas. Que delícia.Você bem disse: é como entrar num universo paralelo. Sei bem o que é isso. Até mesmo no Brasil às vezes me sinto assim qdo vou a um lugar que desejava muito e não tinha ideia de como era. E quanto a pagar “caro” por um produto parecer loucura, pode crer que neste caso não é. Não é toda hora que você vai poder voltar lá, né! E dinheiro foi feito pra gente gastar, com algo importante, claro, E que importância toda e qualquer coisa craft tem p vc, não é. Pena mesmo não ter comprado a caixinha.
    Bjinho e bom feriado.

    Responder
  6. 14 de novembro de 2010 às 08:28

    Cada vez fico mais encantada com esse povo…esses alfinetes são demais, nunca iria usá-los…eu amo miniaturas!!!! Bjokas!!!!

    Responder
  7. 14 de novembro de 2010 às 09:59

    Lindo os alfinetes, a caixa de costura, tudo to apaixonada pela loja tudo tão delicadinho, se um dia eu for pra quioto eu vou passar por la, com certeza

    Responder
  8. Ione Melim disse:
    14 de novembro de 2010 às 12:25

    Lindo demais!!!
    Acho que cada uma de nós queria estar lá com vc!ehehehehhe
    Eu ia amar estar num lugar desses!!!

    Quem sabe um dia.

    Bjusss

    Responder
    • Lan Succi disse:
      15 de novembro de 2010 às 19:24

      Eu queria!

      Responder
  9. deborah disse:
    14 de novembro de 2010 às 17:34

    eu quero um porta alfinete de hamster!

    é legal mesmo encontrar esse tipo de lugar, onde as pessoas têm cuidado com as coisas que vendem.

    Responder
  10. 14 de novembro de 2010 às 18:15

    Menina!!!!! Eu tbem pagaria, sem culpa, porque esse trabalho vale muito mais!
    Lindo, eu adorei.
    Bjks
    Jussara

    Responder
  11. Virginia disse:
    14 de novembro de 2010 às 19:00

    Amigas, vcs descobrem tudo. Aia aia ai, que bom.

    Bjs.

    Virginia.

    Meu carinho, sempre

    Responder
  12. 14 de novembro de 2010 às 22:44

    Essas lojinhas sempre nos dão nostalgia. Temos a impressão do quanto vale a pena manter certas tradições. :D

    Responder
  13. NATALIA disse:
    15 de novembro de 2010 às 08:21

    Well, its gorgeus!!! I like it so much!!!
    I just to know your blog and I think its fantastic your post.
    Always you write things very creative, congratulations.
    Sorry but my english it´s no good ;D
    Regards from Madrid..♥♥..

    Responder
  14. daniela disse:
    15 de novembro de 2010 às 11:33

    Obrigado e Parabéns por este post…fiquei mto feliz em saber que lugares como este existem ainda … :*)

    Responder
  15. nadjanara disse:
    15 de novembro de 2010 às 15:09

    Adoro o Superziper. Desde criança faço artesanato, e digo com orgulho que sou bem habilidosa.

    Adoro estas lojinhas exclusivas, incríveis, com anos de tradição. E compro nelas – porque algumas coisa simplesmente não tem preço.

    Agora em janeiro vou passar uns dias em Montevidéu e Buenos Aires. Estou procurando dicas especialmente de patchwork, minha paixão atual. Algué sabe de lojas de tecido e de patch por lá???

    Agradeço de montão!

    Nadjanara

    Responder
  16. 15 de novembro de 2010 às 22:20

    Amei esses alfinetes!!!
    Adoraria ter apenas um….kkkk.
    Adoro o seu blog!!

    Qd puder dê uma olhadinha no meu.

    Responder
  17. Cláudia disse:
    16 de novembro de 2010 às 00:21

    Oi menina!! Que delicia de post. Amo coisas do Japão. Essas agulhas estão super baratas. Eu pagaria isso numa boa. Q pena q nao compraram a caixinha de costura…adorei a proteção da tesoura. Vou fazer uma p mim, pq minha tesourinha é igual. Q legal!! Obrigada por compartilhar!!! Amo esse blog!!!

    Responder
  18. Verônica disse:
    16 de novembro de 2010 às 13:07

    Uma dica: visite o Museu de Arte de Hakone!

    Responder
    • Andrea disse:
      17 de novembro de 2010 às 11:02

      Ja fui para Hakone duas vezes mas não visitei o museu, da proxima vez vou lembrar disso . bjs

      Responder
  19. 16 de novembro de 2010 às 23:27

    Andrea, que lindo! Cheguei a me emocionar. ;)

    Responder
    • Andrea disse:
      17 de novembro de 2010 às 11:04

      Oi Fran, eu também ! Saudades, quando nos vemos? bjs

      Responder
  20. Marília disse:
    17 de novembro de 2010 às 09:34

    Olá Andrea, sou super fã de vocês, sou louca para conhecer o Japão e fazer várias comprinhas…com certeza se for vou passar por essa loja!
    Adoro o trabalho de vocês!!!
    Bjks
    Marília

    Responder
  21. Fátima disse:
    17 de novembro de 2010 às 10:13

    Amei!!!! acho que eu pagaria até mais estas agulhas são fofissimas!!!!

    Responder
  22. 17 de novembro de 2010 às 14:54

    Nossa, o Japão deve ser muito gostoso, ein! Adoro o site de vocês :D Venho sempre aqui dar uma fuxicadinha, rs. Salvo um mooonte de coisa pra tentar fazer depois! Vi que vocês estão falando de máquinas de costuras antigas, eu uso uma pretinha da Singer! É da minha sogra, tem foto lá no meu blog :) http://batomnosdentes.blogspot.com/2010/11/fazendo-moda.html

    Beijos e continuem sempre assim! Eu adoro isso aqui! :D
    Maria Luiza

    Responder
  23. 17 de novembro de 2010 às 20:43

    Adorei… Amei… é tudo de lindo que loja maravilhosa, gostaria muito de um dia ter a oportunidade de conhecê-la, nunca vi tanta delicadeza junta… que máximo…

    Responder
  24. Márcia disse:
    18 de novembro de 2010 às 13:45

    Andrea, eu conheci Quioto e fiquei superencantada. Fomos até o Kinkakuji. Conheci várias lojinhas e numa delas comprei uns anéis de porcelna. Amei a cidade! Um contraste mesmo! E essas agulhas, caixinha, alomofadinhas, tudo tão lindo! Tenho muitas saudades do Japão. Queria voltar lá um dia a passeio! Beijão!

    Responder
  25. hidemi disse:
    19 de novembro de 2010 às 09:40

    Oi, AMEI o trabalho de vcs…
    minha irma me passou o link, e eu ainda nao tive tempo pra ver tudo, mas to apaixonada pelos post q li
    comecei um blog de artesanato (anteontem rs) e jah coloquei o linkei vcs.
    parabens pelo otimo trabalho!!!

    Responder
  26. nêly. disse:
    11 de Março de 2011 às 17:56

    amei os alfinetes decorados n__n

    super fofo o blog, ta nos meus favoritos,
    beijos

    Responder
  27. Ana Luisa disse:
    04 de agosto de 2011 às 03:06

    Alucinei!!!
    Ah!! Eu quero ir pra Quioto!!
    Muito obrigada por compartilhar essas viagens, amo de paixao artesanatos, fiquei imaginando como deve ser a fabricacao de cada uma das agulhas, de cada um dos alfinetes. E nao sao caros nao, pois sao verdadeiras reliquias!
    Adoro o blog de vcs, parabens!
    Abs,

    Ana Luisa

    Responder
  28. Veronika disse:
    15 de agosto de 2011 às 11:19

    Oi Andrea,

    desculpe,mas vou fazer uma pergunta que nao tem nada a ver com “alfinetes”… Eh que estou mandando um sobrinho para Toquio e estou meio desesperada com a parte pratica… Tipo, voce foi por qual cia aerea? Foi via EUA ou Europa. Se foi pelos EUA, precisou de visto americano? Onde ficou hospedada? Se vocepuder responder vou ficar super agradecida!!!!
    Abs. Veronika

    Responder
  29. Rosângela disse:
    21 de agosto de 2013 às 23:14

    Não conhecia essas agulhas! Adorei, irei ao Japão em setembro e já anotei o endereço!
    Com certeza comprarei a caixinha pra não me arrepender como vc, rsrsrs
    Obrigada por todas as dicas! Tentarei aproveitar o máximo.
    Bjs

    Responder
  30. Fanny disse:
    14 de junho de 2014 às 21:37

    Graças as dicas de voces , meu filho encontrou a lojinha em Kyoto. Valeu, adorei!

    Responder
Deixe seu Comentário

«
»