21 jan 13
casa craftoutras técnicas
Grampeador de tapeceiro, santo remedio
por Claudia

grampeador-1001-utilidades

Este é o meu grampeador de tapeceiro, ferramenta utilíssima para quem quer reformar, reaproveitar, restaurar e decorar. Não é uma ferramenta essencial para um kit como martelo, chave de fenda e alicate. Mas para os criativos de plantão, é uma boa aquisição. Esse meu eu comprei em uma papelaria do centro de SP por 10 reais – e ainda veio com grampos a mais! Mas tem em qualquer loja de material de construção de bairro, home centers & cia.

Só aqui no Superziper já usamos para:
♥ montar uma tela de serigrafia
♥ reformar uma cadeira de escritório
♥ criar uma moldura
♥ reformar um estofado de cadeira
♥ e – um clássico desde 2007 – dar uma cara nova para a tábua de passar roupa.

Volto aqui para contar mais três casos em que o super grampeador me salvou, mais especificamente, depois de me mudar de casa!

escrivaninha-consertada

Em mudanças, dá praticamente para assumir que alguma coisa sempre vai quebrar. Independente do cuidado, precauções e carinhos dos envolvidos, o simples fato de embalar, transportar, movimentar e desembalar aumenta muitíssimo as chances do azar aparecer. No meu caso, o alvo foi essa escrivaninha que uso diariament. Na hora de posicioná-la na casa nova, ela não parava em pé. um dos pés estava com problema. Pensei que fosse parafuso mal colocado, mas em uma rápida inspeção vi que a madeira que segurava o pé tinha rachado. Tentei colar com cola de madeira, mas não era firme o suficiente. Daí que lembrei do grampeador! Com poucos grampos, resolvi o problema. Detalhe que não me incomodo com os grampos aparentes, estão discretos e silenciosos. Conserto rápido e funcional!

gaveta-consertada

Depois deste sucesso, lembrei que a gaveta do quarto estava com uma parte quebrada. Grampeador em mãos, resolvi o problema de novo rapidinho!

extensao-consertada

Pra terminar, aproveitei para reforçar a base da extensão elétrica. Mais uns grampinhos e pronto!

Se você também usa e abusa dessa ferramenta, conta pra gente. Queremos saber o que mais dá para fazer!

22 ZigZags
  1. Oliver Thi disse:
    21 de janeiro de 2013 às 18:44

    Hihihi ele é meu companheiro inseparável!
    Sem ele, nenhuma das mesas fofinhas foradas de tecido (coisa simples: uma porta velha e um tecido fofo + dois cavaletes = prontas para uso!) aqui em casa, no escritório e no ateliê BoniFrati existiriam!!

    :D Santo amigo-irmão!

    Responder
  2. carla disse:
    21 de janeiro de 2013 às 18:46

    Eu também não abro mão do meu! Que ferramenta boa!
    Eu usei pra esconder os fios por baixo da mesa…
    até o DVD foi parar ali!

    http://carlacristinaalves.blogspot.com/2012/02/novas-mudancas.html

    Responder
  3. Priscila disse:
    22 de janeiro de 2013 às 06:32

    Ele é divino. Já troquei o tecido de um estofado da minha cadeira do meu cantinho craft. Ficou linda. Indispensável. Já roubei do marido! :)

    Responder
    • Claudia disse:
      27 de janeiro de 2013 às 16:30
  4. 22 de janeiro de 2013 às 14:55

    Eta ferramenta útil!

    Responder
    • Claudia disse:
      27 de janeiro de 2013 às 16:30

      muuuuito :)

      Responder
  5. Carlos disse:
    22 de janeiro de 2013 às 14:59

    Quem tem sabe o seu valor. Aconselho!

    Responder
  6. Tj disse:
    22 de janeiro de 2013 às 23:05

    Reformei as cadeiras da sala de jantar com o meu, os móveis estavam praticamente novos mas os estofamentos ficaram feios pelo uso. Comprei tecido bonito em um atacadão (preço mais bonito ainda hehehe) e mãos a obra. Ficou muito bom e economizei a grana do tapeçeiro.

    Responder
    • Claudia disse:
      27 de janeiro de 2013 às 16:29

      É mais fácil do que a gente imagina… e fica lindo! Agora em janeiro tem várias lojas de tecido de decoração com boas promoções…

      Responder
  7. 03 de fevereiro de 2013 às 15:41

    Comprei o meu ontem. Ainda não usei, mas já tenho milhoes de planos. Realmente é indispensável para as arteiras de plantão.

    Responder
  8. Edna disse:
    11 de fevereiro de 2013 às 21:46

    Meninas amei o post e vou providenciar um desses para mim, amei também retornar a visita- las e ver tudo novo por aqui!!! Parabéns e sucesso!!! Abraços , Edna Das Catarinas.

    Responder
  9. Rose Almeida disse:
    25 de fevereiro de 2013 às 20:54

    Usei o meu para revestir a cama box com napa. Ficou muito bom!

    Responder
  10. Isabele disse:
    17 de maio de 2013 às 14:31

    Comprei um grampeador da marca Disma, mas foi uma decepção. A embalagem diz que é compatível com grampos de até 8mm, mas eles engasgam e o máximo que consegui foram 3 grampos em sequência, aí tenho que abrir o compartimento de grampos, empurrar e tentar de novo (e nem sempre dá certo, aliás, na maioria das vezes não dá certo). Qual o tamanho de grampo que você usa? De que marca?
    Obrigada!

    Responder
  11. Carolina disse:
    18 de novembro de 2013 às 22:59

    Oi, você sabe onde comprou esse? Quero comprar para revestir minha cabeceira da cama, mas não sei onde vende.
    Beijos ;*

    Responder
    • Claudia disse:
      19 de novembro de 2013 às 23:36

      Comprei numa papelaria no centro de SP. Mas tem em lojas de materiais de construção, tem até no Leroy Merlin. Bjs

      Responder
  12. Júlia disse:
    11 de dezembro de 2013 às 20:32

    qual papelaria amiga?
    so encontro acima de 30reais… mesmo na kalunga esse mesmo grampeador… preciso urgente para fazer minhas telas… :(

    Responder
    • Claudia disse:
      11 de dezembro de 2013 às 21:01

      uma papelaria no centro de SP, na Rua Coronel Xavier de Toledo, perto do antigo Mappin (hoje Casas Bahia). Comprei faz tempo, era estoque antigo. Boa sorte!

      Responder
      • Bernardete disse:
        05 de janeiro de 2016 às 10:14

        Armarinho Fernando, extra, ponto frio tem vários modelos,um pouco mais caro, provavelmente mais resistente. ainda não tenho o meu, pretendo adquirir.

        Responder
  13. Paula disse:
    14 de outubro de 2014 às 00:28

    Comprei o meu hj para trocar o tecido de 2 cadeiras do quarto do meu filho.
    Adorei a dica da moldura de ripas presas com grampos, e a tábua de passar…. Um grande abraço

    Responder
  14. Douglas disse:
    31 de março de 2016 às 12:22

    Não sou menina, mas comprei um agorinha também. Sempre adorei ferramentas. Elas são como varinhas mágicas que transformam o mundo! Espero que tenhamos boas inspirações com as nossas! Queria deixar aqui duas dicas a respeito de “faça você mesmo”, um site excepcional sobre marcenaria, chamado Oficina de Casa (só colocar esta referência no Google) e o aplicativo para Android/celular, o Pinterest. Boas energias para todos nós!

    Responder
Deixe seu Comentário

«
»