07 jun 15
craft touroutros bla bla blas
Bastidores de uma produção de luxo
por Claudia

Festival des Métiers

Termina hoje, domingo, dia 8 de junho, uma exposição sensacional na FAAP. “Festival des Métiers” traz para o museu a simulação do ambiente de trabalho de alguns dos artesãos da grife de luxo Hermès. Ficou apenas 10 dias em cartaz em São Paulo, imagino que seja por causa da logística e também pela agenda apertada – a exposição vem rodando o mundo há 5 anos.

Festival des Métiers

Tive a oportunidade de visitá-la ontem e fiquei muito contente com a oportunidade de ver oito artesãos profissionais trabalhando ao vivo para os visitantes. Costureira, estampador, desenhista, pintora, joalheiro, marroquineiro… Todos estavam lá com suas ferramentas e equipamentos para mostrar os bastidores da produção da famosa maison francesa.

Festival des Métiers

Apesar da dica ser imperdível, restam poucas horas (e provavelmente muita fila) para que alguém que esteja lendo este post consiga se deslocar e chegar a tempo até lá e conferir.

Assim que decidi mostrar aqui no Superziper um outro lado da exposição: o das ferramentas!

Festival des Métiers

Enquanto todos os visitantes fotografavam tudo (principalmente o processo de estamparia em seda – o espaço mais concorrido), mudei meu olhar e passei a registrar momentos dos artesãos trabalhando com suas ferramentas e equipamentos.

E captei detalhes que talvez passavam desapercebidos, mas que para nós crafteiros soam como boas dicas. Porque não aprender e se inspirar com eles também?

DICA 1: Esteirinha de bambu
Adaptada para guardar (e transportar) uma infinidade de tipos e tamanhos de pincéis
Festival des Métiers

DICA 2: Pedaço de cortiça
Bem grosso, usado para espetar agulhas e ferramentas
Festival des Métiers

DICA 3: Alicate protegido
Pedaço de couro cobrindo a ponta da ferramenta, para dobrar e manipular peças sem deixar marcas. Reparem também no bloco de cera de abelha, usado para deixar o fio de costura mais firme e fácil de deslizar.
Festival des Métiers

DICA 4: Molde finalizado em acetato
O contorno do produto final em transparência é usado para o controle de qualidade da produção
Festival des Métiers

DICA 5: Bandeja de materiais
Apenas o suficiente fica na mesa de trabalho, e dentro de uma caixinha pequena, principalmente para quem trabalha com nanquim. Sem riscos! Reparem também no bloco de lixa, usado para afinar a ponta do lápis.
Festival des Métiers

DICA 6: Peso de papel
Um pedaço de metal é usado para segurar o papel na mesa de luz. Útil e necessário.
Festival des Métiers

DICA 7: Caixa com divisórias
Cada item no seu lugar: pregos, parafusos e metais do artesão que produzia selas de montaria.
Festival des Métiers

DICA 8: Ferramentas e peças pequenas
Massinha verde usada para segurar pequenas chaves de fenda em uso pela relojoeira. As peças diminutas ficam em tampinhas de plástico transparente para não se perderem na bancada.
Festival des Métiers

DICA 9: Diagrama de trabalho
Esquema de cores e peças impresso e pendurado com ímã na estrutura de metal. Fica bem posicionado na frente dos olhos para orientar e conduzir o trabalho de quem mexe com jóias e bijoux.
Festival des Métiers

DICA 10: Escova de dentes
Antes de jogar a sua fora, reaproveite. Aqui, a cabeça era usada para limpar e tirar sujeirinhas.
Festival des Métiers

DICA 11: Palito com ponta de borracha
Parecia um palito manicure, mas com uma ponteira de borracha. Ferramenta bem específica para a limpeza dos excessos na pintura de porcelana.
Festival des Métiers

DICA 12: Vidros e garrafas
Potes de geléia, garrafas de suco e outros vidros usados para armazenar quantidades menores de material de pintura.
Festival des Métiers

Muito legal ver no museu um ambiente de criação e trabalho manual. A matéria-prima com certeza é diferente, o produto final também. Mas no meio do caminho são profissionais que as vezes usam os mesmos truques na produção do que nós :)

Festival des Métiers

Para quem quer saber mais:
. Vídeo sobre a mostra na Vogue
. Galeria de fotos no Glamurama
. Matéria na Folha de S.Paulo
. Documentário ‘Hearts and Crafts’ de 2011 (áudio em francês com legendas em inglês)