30 mar 15
outras técnicas
DIY: parece Tetris, mas não é!
por Claudia

PAP do cubo soma

Este quebra-cabeça, que é feito com peças que parecem saídas do jogo Tetris (meu vício!), na verdade se chama cubo Soma. Já tinha visto faz tempo alguns tutoriais de como fazer um em casa usando cubos de madeira e ele estava nos meus planos… Mas nunca colocava em prática por falta de material. Teria que ir em uma loja, pedir para cortar no tamanho certo, etc – confesso que me dava uma certa preguiça.

Até que em uma limpeza aqui em casa encontrei o material ideal. Achei um pacotinho de dados coloridos que na verdade são contas de plástico para fazer pulseiras e colares. Devo ter comprado em alguma visita à 25 de março e nunca usei, ainda estava fechado!

GIF animado dos dadinhos coloridos

Perfeito então! Estava na mão, só precisava pegar as instruções e fazer o meu. A única coisa é que com esse material eu acabei conseguindo um mini-mini-cubo-soma. Sim, porque cada dadinho tem menos de 1 cm de largura! Ou seja, o cubo montado fica com cerca de 2,5 cm :)

Quem quiser algo de proporções maiores, basta usar cubos de outro tamanho. Independente do tamanho, é um quebra-cabeças legal – fácil de fazer, mas bem difícil de chegar na solução!

Vejam o passo a passo.

Materiais:

– 27 cubinhos
– cola (eu usei uma de silicone, mas serve a branca, de artesanato ou até super bonder)

PAP do cubo soma

O único passo é colar um cubo no outro seguindo o esquema abaixo. Deixe secar por algumas boas horas e depois é só brincar.

PAP do cubo soma

Este é o esquema das 7 peças, sendo que todas são feitas com 4 cubinhos – exceto uma que tem apenas 3 (total: 27).

PAP do cubo soma

É bem autoexplicativo, basta copiar. Mas atenção especial para estas duas peças – parecem iguais mas na verdade são espelhadas!

PAP do cubo soma

Aqui o cubo montado :) Para esta foto, vou contar que tive de procurar no Google a solução (vergonha!). É que eu tentei muito (mas muito) e não consegui. Ou eu fazia isso, ou este post não sairia…

PAP do cubo soma

Uma dica é deixar as peças juntas em um pires ou em um potinho para jogar quando puder (e também para não perder).

PAP do cubo soma

Ou guardar em uma embalagem – reutilizei este plástico de uma embalagem de palitos de dente!

PAP do cubo soma

Aliás, nesta foto dá para ver que com as peças que eu tinha consegui fazer mais de um cubos soma. Tinha tanta peça laranja que fiz um só desta cor. Este vou dar de presente e o colorido vai ficar pra mim. Quem gosta deste tipo de passatempo vai adorar!

27 mar 15
blogueira convidadaoutras técnicas
DIY de Páscoa: Coelho articulado
por Andrea

coelho-capa

Projetos e fotos por Lívia Costa, da Coelhoshow

Olá leitora do Superzíper! Aqui é a Lívia Costa, da Coelhoshow, colaboradora a cada Páscoa e  sempre empolgada como se fosse a primeira vez – quem lembra dos Bunnegs e do saquinho orelhudo que apareceram por aqui em Páscoas passadas? Bem, mais um ano se passou e vou mostrar mais um projeto de DIY especial de páscoa, diretamente do meu ateliê. Espero que se empolguem!

Este ano tive a ideia de fazer um “Jumping Jack Bunny”. Eu explico! É um coelhinho de papel articulado e divertido que ao ser puxado dá um pulo parecido com um polichinelo. Talvez na infância você tenha tido um brinquedo com um mecanismo parecido – quem lembra do Palhaço Peralta da Estrela? Agora é hora de mostrar para a nova geração que os brinquedos simples e artesanais podem ser bem divertidos de fazer:

materiais

Você vai precisar de:
– Papel tipo canson ou cartolina;
– Tesoura;
– Lápis, borracha e caneta hidrográfica preta ( se for desenhar a mão livre);
– Colchetes para papel (veja este link para não errar);
– Linha de bordado ou lã fina.

– Fita para pendurar e argolinha para puxar.

IMG_7510

Primeiro, desenhe o corpo e a cabeça do coelho. Separadamente desenhe as perninhas e braços.
Caso você não seja muito pró no desenho eu deixo você “colar” do meu. Use os links abaixo para baixar um template  em tamanho real do coelho que eu fiz, basta imprimir e recortar.

Corpo :  https://www.dropbox.com/s/qv2djuq8k32dxb6/corpitcho.jpg?dl=0

Braços e pernas: https://www.dropbox.com/s/ebqhckqoh7rc3jv/patitas.jpg?dl=0

Se imprimir em papel sulfite, cole-o em uma cartolina. Ou desenhe direto em um papel grosso como a cartolina ou canson. O importante é que seu coelhinho de papel tenha alguma firmeza.

A

Faça dois furinhos com uma ponta de compasso, ou outro objeto pontiagudo, nas pernas, braços e um furo nos encaixes correspondentes no corpinho. Na imagem acima, as estrelas mostram onde posicionar os furos.

IMG_7513IMG_7514

Encaixe as partes usando os colchetes, e deixe sobrar um furo em cada membro.
Nesse furo que sobrou passe a linha de um braço para o outro e de uma perna para a outra.
Junte as linhas paralelas com uma linha perpendicular unindo as outras duas e deixando um fio mais longo. Desta forma ela vai puxar os braços e pernas criando o movimento de levantar os membros do coelho.

Agora que o mecanismo básico está pronto decore e dê vida ao seu coelho de Páscoa. Desenhe o rosto, barriga e orelhas. Não esqueça de  colocar uma cenourinha ou ovo de páscoa na mão dele.

coelho animado

Faça uma alça de fita e prenda atrás da cabeça do seu coelhinho e coloque uma argola no fio inferior para facilitar na hora de fazê-lo pular. Onde usar o Jumping Jack Bunny ? Onde quiser! Vale parede, armário, maçaneta, ele é um lindo enfeite.

Fácil e divertido de fazer, taí uma lembrancinha fofa, craft e diferente para dar nessa páscoa, acompanhando os tradicionais chocolates!

19 jan 15
costuraoutras técnicas
DIY: Alfineteiro no pratinho com ímã
por Andrea

ima_abre

Quem costura a máquina sabe que usar muitos alfinetes é fundamental. Mas é uma chatice imensa ter que ficar recolhendo alfinetes espalhados pela mesa e pelo chão ao final e cada sessão. Sem contar que é perigoso deixar alfinetes caídos por aí se você tem animais ou crianças em casa.

Um dos modelos de alfineteiro mais eficientes é aquele com ímã, pois como num passe de mágica, ‘puxa’ todos os alfinetes e organiza a bagunça rapidinho. Tem aqueles modelos prontos e industrializados que eu super recomendo mas dá para fazer uma versão DIY econômica e bem mais charmosa!

ima1

Separe os materiais. O segredo para um power alfineteiro é usar ímãs BEM potentes. Comprei este pacote com quatro ímãs japoneses na Daiso do centro por apenas 6,90! Apesar do tamanho são super fortes, um achado!

Separe também um pratinho pequeno e bacana. Os pires de louça, para xícara de café, são os mais fofos mas é preciso ter cuidado, pois podem quebrar – isso já conheceu comigo :(. Uma alternativa boa é usar um simpático pires ou mini pratinho de plástico, bem duro na queda :).

Por último, uma cola forte, tipo super Bonder ou similar (usei a cola da Scotch).

ima2
A montagem não tem segredo, basta colocar um pingo de cola no verso do ímã e grudá-lo no fundo do prato.

ima3

Quantos ímãs usar irá depender da potência dos mesmos. No caso destes que comprei na Daiso usei apenas dois mas poderia usar os quatro, caso quisesse um alfineteira mais power, para um prato maior ou mais alfinetes. Fica a seu critério. Deixe secar bem!

ima4

Teste o seu pratinho e veja se os alfinetes estão grudando facilmente. Eles não podem cair se você virar o prato ao contrário! Se caírem talvez seja melhor colocar mais um ímã…

ima5

Taí o alfineteiro imantado facilitador da vida nas sessões de costura. Quem tem não troca por nada. Experimenta fazer o seu e me conta o que achou…

Boa costura!

15 jan 15
outras técnicas
Mania de catar conchinhas. E depois?
por Claudia

Pingente de conchinhas

Este passo-a-passo é para quem tem mania de catar conchinhas na praia, cansou de colocá-las em potes ou vidros e quer fazer algo mais com elas.

Nestas férias de verão, tive a sorte de achar muita conchas pequenas, já furadas. Foi então essas que escolhi procurar mais. O furo seria útil em algum projeto que eu ainda não sabia qual era.

Pingente de conchinhas

Em casa, lavei as conchas com água quente e deixar secar à sombra. E enquanto isso, procurei inspiração no Pinterest do que poderia fazer com elas. Muita gente faz aqueles sinos de vento, mas eu não tinha material suficiente. Decidi apenas pendurá-las em fios, formando um pingente.

Veja as etapas de como cheguei no produto final:

Decidi que seriam fios com 4 conchas cada. Separei fileiras por tamanho em cima da mesa, mexendo pra cá e pra lá até chegar no desenho final.

Pingente de conchinhas

Usei um fio sintético cor pink para amarrar as conchas. Cortei no tamanho de 40 cm para ter folga e ser fácil de dar o nó.

Pingente de conchinhas

Ficou uma ligeira diferença de posição de amarração das conchas, comparando os fios. Mas isso não é um problema, pelo contrário, o pingente ganha um movimento mais interessante. E com um fio longo, é possível ajustar a posição antes de finalizar.

Pingente de conchinhas

Eu usei uma pérola e uma argolinha de bijuteria para fazer a união dos fios na ponta. Passei tudo pela pérola com a ajuda de uma agulha grossa e dei um nó na parte de baixo.

Com a argolinha, ganhei a flexibilidade de escolher onde pendurar. Por enquanto está na porta de casa, embaixo do olho mágico. Mas testei na porta da varanda e na do banheiro e também gostei do resultado.

Pingente de conchinhas

Acabei criando meu próprio souvenir desta viagem!

Tenho mais algumas, maiorzinhas e diferentes entre si. Essas ainda não decidi o que fazer… E vocês, já deram alguma utilidade para as conchas trazidas da praia?

Página 1 de 5412345...Última