27 abr 11
outras técnicasreciclagem
Bolsa-livro
por Andrea

bolsa-livro

Eu vi a moda das bolsas-livro em vários blogs gringos e resolvi testar a ideia e fazer um passo-a-passo. Eu achei estes capa duras do Circulo do Livro (quem lembra dos catálogos que chegavam pelo correio ?) num sebo a preço de banana, não de livro. Então, antes que alguém venha me gongar por vandalizar os pobres livros,  aviso que as páginas estavam já bem deterioradas por isso não tive dó nem cerimônia em arrancá-las para aproveitar só a capas :).

Imagino que  este projeto não seja unanimidade entre as crafters mais tradicionais mas eu que tenho uma queda por objetos inusitados, aprovei. E pensando bem, a bolsa-livro pode ter outras utilidades, pode virar um item ‘puxador de conversa’. As pessoas podem soltar um “uau, que legal” ou “puxa, que diferente” (diferente, neste caso = estranho, bizarro, legal#NOT). Quando sair com a minha bolsa-livro na rua conto quais foram as reações :).

Se alguém se empolgou, vou mostrar como fiz o modelo ‘livro clutch’. Não vou mentir, deu um certo  trabalho  fazer a primeira  bolsa (principalmente na hora de colar o forro, quase arranquei os cabelos, argh!) mas na hora de fazer  a segunda já estava bem craque e a produção fluiu bem.

livro1

Usei um livro capa dura antigo, retalho de tecido de algodão (40 cm), estilete (para arrancar as páginas), máquina de costura, papel, lápis, tesoura,  cola branca tipo PVA (vale Cascorez, Acrilex, etc), pincel chato, botão e elástico de cabelo.

RETIRADA DO MIOLO E MOLDES

livro2livro3livro4livro5

Retire todo o miolo do livro com ajuda de um estilete. Dependendo da encadernação e do estado do livro, vão ficar pedaços. Tenha paciência, o que não der pra cortar  pode ser arrancando com a mão.

Risque o molde da lateral  da bolsa posicionando o livro aberto  em mais ou menos  um ângulo de 40 graus por cima da folha de papel. Contorne  com lápis, formando um triângulo com a ponta achatada. Recorte em volta deixando uma margem de 0.5 cm. Dobre ao meio para marcar e corte, dividindo o triângulo em 2 partes.

CORTE DO TECIDO PARA O FORRO

livro6livro7

Usando os moldes de papel, corte o tecido deixando 0.5 cm de margem na parte interna. Faça 4 triângulos, 2 de cada molde. Recorte também dois triângulos inteiros, com os dois triângulos juntos.

Coloque o livro aberto sobre o tecido e corte um retângulo deixando 0.5 cm de margem de costura.

livro8

Estes são os cortes de tecido necessários para o forro: 1 retângulo grande, 2 triângulos pequenos (lado direito) 2 triângulos pequenos (lado esquerdo) e 2 triângulos grandes.

COSTURA DAS LATERAIS DO FORRO

livro9livro10

Costure as metades dos triângulos pequenos unindo-os pelo centro. Posicione-os face a face com o triângulo maior. Se quiser, alinhave.

livro11livro12

Costure à máquina com 05. cm de margem e deixando um espaço aberto na ponta para virar a peça. Repita o mesmo processo com os 3 cortes de tecido restantes. Vire as peças com a ajuda de um lápis ou objeto comprido, acertando bem os cantos. Ao final,  você terá estes dois triângulos com tecido dos dois lados e as pontas abertas.

COLAGEM DO FORRO

livro13livro14

Despeje cola num pratinho. Com ajuda do pincel chato, comece colando o retângulo de tecido na capa interna do livro.  Depois passe uma tira cola na lateral de um dos triângulos de tecido e posicione bem próximo à  lateral da capa.  Espere secar um pouco para prosseguir com a colagem.

livro15livro16

Passe uma outra tira de cola agora na parte interna do triângulo e cole o retângulo de tecido por cima, dobrando 0.5 cm de margem.  Eu aprendi na marra que:  com pouca cola não vai grudar e com muita cola vai lambuzar todo o tecido. Repita o mesmo processo na outra lateral do triângulo.

Você vai precisar  colocar em ação o seu lado crafty zen nesta hora. Deixe secar  um pouco entre uma etapa e outra. Repita toda a colagem com o outro triângulo  de tecido para colar a outra lateral da bolsa. Respire fundo, não é fácil mas é possível, eu consegui!

livro17

Esqueci de mostrar  que se o seu livro for muito antigo pode ser necessário pintar com canetinha da mesma cor os cantinhos arranhados. Terminada a colagem, passe uma demão de cola PVA em toda a capa. Isso vai ajudar a selar o papelão e impremeabilizar a bolsa.

livro18livro19livro20

Para o fecho eu usei um botão tipo ‘pino’e um elástico de cabelo. Primeiro, fure a capa com um objeto pontudo. Este que usei é próprio para fazer bonecos, se não tiver um, improvise.

Passei uma linha no botão, enfiei no furo da capa e amarrei um fecho de bijuteria tipo pino no lado de dentro. Se não tiver fecho, substitua por um botão pequeno, o resultado é o mesmo.

Furei a capa de trás e passei o elástico de cabelo por dentro.

livro21

O acabamento do fecho fica assim. Nada mal, né ?

Uma outra opção para fecho seria colar nas capas duas tirinhas de tecido com velcro nas pontas. Dá para usar o mesmo tecido do forro para fazer as tiras.

livro_NY aberto

Olha aí o meu livro clutch prontinho. Circulo do Livro é tendência por aqui.

casais livro

Pra quem não curte bolsa de mão (definitivamente não é a coisa mais prática do mundo) também dá pra fazer uma bolsa-livro de alcinha, para usar a tiracolo.

Eu fiz e ficou bem legal. Coloquei ganchos de tecido e  uma corrente grossa de metal. Será que Chanel aprovaria ?

 

 

 

18 abr 11
outras técnicasoutros bla bla blas
Qual é o filme em ponto cruz?
por Andrea

Captura de tela 2011-04-18 às 20.55.36

Ainda seguindo firme e forte com a obsessão em bordar meus filmes favoritos de infância em ponto cruz, este é o meu projeto atual. Alguém adivinha o nome do filme?

Hummm, tá muito difícil ? Desce que vai ficar mais fácil.

pontocruz

E aí alguém arrisca ? Presta atenção nas roupas e no cabelos dos personagens.

Vou terminar ainda esta semana. Prometo que volto depois para mostrar o bordado prontinho e desvendar o mistério.

Dica: Try A Little Tenderness ;)

06 abr 11
outras técnicas
Aula de ponto cruz básico
por Andrea

sincerely yours

Ponto cruz é algo legal mas que não fazia há mais de uma década. Perdi a vontade porque não achava desenhos legais para bordar – flores rococó, cestas de frutas, ursinhos country – nada me animava.

Mas a técnica é uma coisa e o que se produz com ela é outra história. O que fez aflorar de novo a minha vontade de bordar foi  um gráfico com os personagens do filme Clube dos Cinco que achei no  no Etsy, por 6 dólares. E  tem também do Guerra nas Estrelas, Garota de Rosa Choque e Curtindo a Vida Adoidado.  Personagens que marcaram a minha adolescência, pixelados para bordar. Então, ponto cruz aqui me tens de regresso!

Aproveitei para fotografar um PAP. Assim, quem sabe você se anima a fazer também. É um tipo de bordado fácil, econômico e que não exige cálculos e macetes complicados. Só um pouco de paciência, afinal são muitos quadradinhos pra preencher. E o resultado ? No mínimo, um quadro bacana para pendurar na sala ou presentear amigos.

Animou ? Eu te mostro como fazer :).

Em poucas palavras, o objetivo do ponto cruz é formar X dentro de mini quadradinhos. E ao agrupar quadradinhos da mesma cor você forma os blocos de cores que geram os desenhos.  Tipo pixels!

Para quem nunca viu um gráfico de ponto cruz ele tem esta cara ó:

IMG_1593

Os quadradinhos coloridos correspondem às linhas de cores diferentes. Geralmente o gráfico acompanha uma tabela de cores, assim você já  sabe as meadas que vai precisar. Mas não precisa levar  a tabela ao pé da letra, a graça da coisa é fazer as variações e adaptações ao seu estilo.

Antes de começar é bom centralizar o desenho no tecido de etamine. Assim você planeja quanto de tecido vai usar não corre o risco de, por exemplo,  deixar o pé do Brian pra fora do pano. Começe bordando pelo centro e vá expandindo o desenho para as laterais.

Captura de tela 2011-03-31 às 20.52.01

Eu pespontei o  meu etamine com linha coloridas só para mostrar pra vocês exatamente o centro.   Na vida real não precisa fazer isso, basta dobrar o tecido. Depois procurei no gráfico o quadrado correspondente ao quadradinho do centro (meio das pernas do Bender  XD) e comecei a bordar por aí.

Antes de começar, três toques:
–  É uma boa passar um pesponto nas bordas do etamine ou pregar uma fita crepe, para não desfiar enquanto você borda.
– Borde sempre com as mãos bem limpas e secas para não manchar o etamine, principalmente os brancos. Bordar comendo salgadinho  e chocolate nem pensar !
– Usar bastidor pra segurar o tecido é opcional. Eu não uso, mas tá liberado se você quiser deixar o tecido esticadinho ou simplesmente fazer um charme ‘old school’.

Ponto-cruz 01

1. Separe o etamine (tecido de algodão furadinho), linha de bordado nas cores indicadas, agulha de bordado e tesoura.

2.  Para tirar a linha de bordado da meada sem fazer um ninho de rato, primeiro ache a ponta do fio grosso.

3. Os fios grossos são na verdade seis fios finos juntos. Puxe  só um deles o tanto que quiser (mais ou menos, de acordo com o tamanho da área que você quer bordar). Dobre-o  pela metade, formando um fio duplo.

4. Enfie o fio dobrando pelo buraco da  agulha como mostra a foto e deixe a ponta  ‘dobrada’ mais comprida do que a ponta com as duas pontas soltas

Ponto-cruz 02

5. Comece enfiando a agulha de baixo para cima, no quadrado central do etamine.

6. Passe a agulha por dentro do ‘olho’ do fio duplo.

7.Fica assim.

8. Agora borde em cada quadradinho da fileira “da ida”, enfiando a agulha de cima para baixo, até completar a quantidade de quadradinhos indicada no gráfico.

Ponto-cruz 03

9. Quando acabar, a fileira “da ida” você terá vários tracinhos inclinados da esquerda para a direita

10. Para fazer a fileira “da volta” basta enfiar a agulha de cima para baixo, fazendo tracinhos da direita para a esquerda e  e assim formando o X  em cada quadrado.

11. Completada a fileira, passe a agulha para trás do etamine.

12. Finalize escondendo o fio por dentro do verso dos pontos. Não é avesso perfeito, mas fica até ok. Evite dar nós na parte de trás.

Esta listrinha cinza  é só um pedaço da calça do Bender.  Vá bordando os blocos de cores diferentes até formar  todo o desenho. Na parte da frente o importante é  lembrar que no X o traço de baixo vai sempre da esquerda pra direita e o de cima da direita para esquerda. Assim os pontos ficam uniformes.

Terminado o bordado, retire o pesponto das laterais, passe a ferro para tirar as rugas e coloque sua mini obra numa moldura. Eu coloquei  o meu num bastidor de madeira provisoriamente até resolver qual moldura vou querer usar. Prontas para o close-up ?

bc

O que me impressionou neste gráfico foram os detalhes dos personagens. O Bender tem mecha no cabelo, luvas e pano amarrado na calça. A franja comprida da Alyson cobre os olhos. A Claire está com  pulseira de madeira e o Brian de meias brancas. São pequenos detalhes que as visitas vão curtir procurar quando virem o quadro na sua parede.

E onde será que andam os atores do filme ? Alguém sabe ? Qual era o seu favorito ? Os meus, naquela época, eram a Allyson  e o John Bender  e continuam sendo, mesmo vinte anos depois – eu fiz questão de rever o filme no DVD para fazer este post.

Sincerely Yours,

Superziper :)

21 mar 11
blogueira convidadanhacoutras técnicas
Bunneggs de Páscoa
por Andrea

IMG_5829

Quando começamos a pensar um projetos DIY para a Páscoa resolvemos chamar a Livia da Coelhoshow, a maior expert do mundo quando o assunto é criatividade com o tema coelhos. No ano passado fomos ao ateliê dela (uma das lojas favoritas da Galeria Ouro Fino, diga-se de passagem) e entre mil e uma criações encontramos um ovo com coelho numa caixinha desenhada. Pedimos para ela revisitasse o projeto para a Páscoa deste ano e o resultado é o PAP especial de hoje, exclusivo para o Superziper ^_,,_^

*****************

Todo mundo que é convidado para participar do Superziper começa o texto dizendo que é um prazer estar aqui. Para mim escrever aqui é mais que um prazer, é uma coisa assim que dá até bobeira, incluindo pulinhos e gritinhos infantis de alegria. É meu blog preferido, e mostar algo é simplesmente demais, uhuuuu! Bom, passada essa euforia toda vamos a minha sugestão de projeto da Páscoa: ovos de verdade decorados em forma de coelhinho,  recheados com quitutes gostosos. Eu dei a eles o nome de Bunneggs, ou seja, bunny + egg, sacou ?

Este é um projeto que é diversão certa tanto para adultos como para a criançada, então junta todo mundo pra fazer Bunnegs !

IMG_5705
Você vai precisar de:

– Ovos brancos
– Anilina nas cores preferidas
– Vinagre
– Balinhas pequenas e coloridas como m&ms, jujubas.
– Uma agulha grossa de costura e uma tesoura de ponta fina
– Palitos de churrasco e uma caneca cheia de areia ou arroz, para servir de apoio
– Pinceis (um fino e um grosso)
– Cartolina (para as orelhas)
– Tinta acrilica ( para desenhar o rosto)
– Super Bonder ou alguma outra cola para materiais porosos

IMG_5707 IMG_5711
1. Em primeiro lugar lave bem os ovos com água e sabão.

2. Para tirar o conteúdo do ovo  sem estragar a casca, faça um furo com a agulha grossa na parte superior e um buraco pequeno com a tesoura na base . O segredo para não quebrar tudo é ser gentil porém firme, usando apenas a ponta da tesoura (foto3). E olha a Tesourinha de Garça fazendo uma aparição especial no post.

IMG_5723 IMG_5719
4.Assopre no furinho que fez com a agulha, o conteúdo do ovo deve sair facilmente pelo buraco de baixo. Não jogue fora as gemas e claras, use-as para fazer estas panquecas ou uma bela omelete.

5. Lave os ovos novamente, dessa vez enchendo de água com um pouco de  detergente para tirar os resíduos. Esvazie assoprando novamente.

IMG_5731
6 . Monte um apoio usando a caneca cheia de areia/arroz e os palitos de churrasco. Encaixe os ovos no palito pelos furos e deixe-os secando por pelo menos duas horas. A gente acelerou o processo com um secador, vale usar este truque se estiver com pressa.

Enquanto isso, podemos preparar a tinta. Fiquei um tempão quebrando a cabeça pensando em como colorir ovos sem usar uma tinta agressiva, afinal vamos rechear com comidinhas e não queremos cheiro forte e nelas. Primeiro tentei deixar  os ovos de molho na anilina mas a cor ficou desbotada,sem graça. Então me lembrei que na faculdade de Artes fazíamos têmpera, uma tinta à base de gema de ovo – a mesma usada nas pinturas renascentistas. Perfeita para colorir os ovos ! Ela é bem fácil de preparar.

IMG_5738 IMG_5747
7.Use uma gema de ovo para cada cor de anilina. Lembre-se de peneirar a gema para tirar a pele, que tem cheiro forte. Adicione uma colher de chá de vinagre para conservar e depois, vá colocando  anilina à vontade até ficar uma cor bacana. Misture bem.

8. Misture um tiquinho de água se quiser a tinta mais mole. Na minha eu não misturei e achei que ficou um pouco grossa, talvez por isso meu ovo ficou com algumas manchinhas.

IMG_5760
9. Hora de pintar os ovos! Como eu queria uma cor forte, dei três mãos de tinta nos meus, esperando meia hora entre uma e outra. Usei o pincel, maior de cerdas macias.

IMG_5761 IMG_5771
10.Faça orelhinhas de cartolina, pinte, recorte e reserve.

11. Com o ovo completamente seco, desenhe rostos com várias expressões. Vale ovo meiguinho, bravo, zumbi, burlesco…. o Bunnegg é seu e você faz o que quiser ;) . Para esta parte eu usei tinta acrílica de artesanato e um pincel bem fininho. Chame os amigos, o marido e as crianças, rende várias risadas.

IMG_5791 IMG_5821
12.Recheie os ovos com gostosuras (também vale colocar pequenos brinquedinhos de plástico). Sele a abertura com um pedacinho de fita crepe pintada na cor do ovo.

13. Por último cole as orelhas no ovo com uma gotinha de Super Bonder ou cola quente.

IMG_5836
A parte mais divertida é ver quem ganhou um Bunneg quebrá-lo para descobrir o segredo que está dentro.

C  r A C K …….

IMG_5835
…  Su R p R e S a !

Se até nós adultos adoramos esta parte a criançada vai delirar.

Feliz Páscoa e um ótimo Ano do Coelho para todos.

(Lívia é mente criativa por trás da Coelhoshow e fez os Bunnegs especialmente o Superziper )

Página 21 de 55Primeira...1920212223...Última