21 mar 11
blogueira convidadanhacoutras técnicas
Bunneggs de Páscoa
por Andrea

IMG_5829

Quando começamos a pensar um projetos DIY para a Páscoa resolvemos chamar a Livia da Coelhoshow, a maior expert do mundo quando o assunto é criatividade com o tema coelhos. No ano passado fomos ao ateliê dela (uma das lojas favoritas da Galeria Ouro Fino, diga-se de passagem) e entre mil e uma criações encontramos um ovo com coelho numa caixinha desenhada. Pedimos para ela revisitasse o projeto para a Páscoa deste ano e o resultado é o PAP especial de hoje, exclusivo para o Superziper ^_,,_^

*****************

Todo mundo que é convidado para participar do Superziper começa o texto dizendo que é um prazer estar aqui. Para mim escrever aqui é mais que um prazer, é uma coisa assim que dá até bobeira, incluindo pulinhos e gritinhos infantis de alegria. É meu blog preferido, e mostar algo é simplesmente demais, uhuuuu! Bom, passada essa euforia toda vamos a minha sugestão de projeto da Páscoa: ovos de verdade decorados em forma de coelhinho,  recheados com quitutes gostosos. Eu dei a eles o nome de Bunneggs, ou seja, bunny + egg, sacou ?

Este é um projeto que é diversão certa tanto para adultos como para a criançada, então junta todo mundo pra fazer Bunnegs !

IMG_5705
Você vai precisar de:

– Ovos brancos
– Anilina nas cores preferidas
– Vinagre
– Balinhas pequenas e coloridas como m&ms, jujubas.
– Uma agulha grossa de costura e uma tesoura de ponta fina
– Palitos de churrasco e uma caneca cheia de areia ou arroz, para servir de apoio
– Pinceis (um fino e um grosso)
– Cartolina (para as orelhas)
– Tinta acrilica ( para desenhar o rosto)
– Super Bonder ou alguma outra cola para materiais porosos

IMG_5707 IMG_5711
1. Em primeiro lugar lave bem os ovos com água e sabão.

2. Para tirar o conteúdo do ovo  sem estragar a casca, faça um furo com a agulha grossa na parte superior e um buraco pequeno com a tesoura na base . O segredo para não quebrar tudo é ser gentil porém firme, usando apenas a ponta da tesoura (foto3). E olha a Tesourinha de Garça fazendo uma aparição especial no post.

IMG_5723 IMG_5719
4.Assopre no furinho que fez com a agulha, o conteúdo do ovo deve sair facilmente pelo buraco de baixo. Não jogue fora as gemas e claras, use-as para fazer estas panquecas ou uma bela omelete.

5. Lave os ovos novamente, dessa vez enchendo de água com um pouco de  detergente para tirar os resíduos. Esvazie assoprando novamente.

IMG_5731
6 . Monte um apoio usando a caneca cheia de areia/arroz e os palitos de churrasco. Encaixe os ovos no palito pelos furos e deixe-os secando por pelo menos duas horas. A gente acelerou o processo com um secador, vale usar este truque se estiver com pressa.

Enquanto isso, podemos preparar a tinta. Fiquei um tempão quebrando a cabeça pensando em como colorir ovos sem usar uma tinta agressiva, afinal vamos rechear com comidinhas e não queremos cheiro forte e nelas. Primeiro tentei deixar  os ovos de molho na anilina mas a cor ficou desbotada,sem graça. Então me lembrei que na faculdade de Artes fazíamos têmpera, uma tinta à base de gema de ovo – a mesma usada nas pinturas renascentistas. Perfeita para colorir os ovos ! Ela é bem fácil de preparar.

IMG_5738 IMG_5747
7.Use uma gema de ovo para cada cor de anilina. Lembre-se de peneirar a gema para tirar a pele, que tem cheiro forte. Adicione uma colher de chá de vinagre para conservar e depois, vá colocando  anilina à vontade até ficar uma cor bacana. Misture bem.

8. Misture um tiquinho de água se quiser a tinta mais mole. Na minha eu não misturei e achei que ficou um pouco grossa, talvez por isso meu ovo ficou com algumas manchinhas.

IMG_5760
9. Hora de pintar os ovos! Como eu queria uma cor forte, dei três mãos de tinta nos meus, esperando meia hora entre uma e outra. Usei o pincel, maior de cerdas macias.

IMG_5761 IMG_5771
10.Faça orelhinhas de cartolina, pinte, recorte e reserve.

11. Com o ovo completamente seco, desenhe rostos com várias expressões. Vale ovo meiguinho, bravo, zumbi, burlesco…. o Bunnegg é seu e você faz o que quiser ;) . Para esta parte eu usei tinta acrílica de artesanato e um pincel bem fininho. Chame os amigos, o marido e as crianças, rende várias risadas.

IMG_5791 IMG_5821
12.Recheie os ovos com gostosuras (também vale colocar pequenos brinquedinhos de plástico). Sele a abertura com um pedacinho de fita crepe pintada na cor do ovo.

13. Por último cole as orelhas no ovo com uma gotinha de Super Bonder ou cola quente.

IMG_5836
A parte mais divertida é ver quem ganhou um Bunneg quebrá-lo para descobrir o segredo que está dentro.

C  r A C K …….

IMG_5835
…  Su R p R e S a !

Se até nós adultos adoramos esta parte a criançada vai delirar.

Feliz Páscoa e um ótimo Ano do Coelho para todos.

(Lívia é mente criativa por trás da Coelhoshow e fez os Bunnegs especialmente o Superziper )

10 mar 11
outras técnicasoutros bla bla blas
DIY: Prendedor de calça com câmara
por Andrea

Ciclista

Há tempos eu tinha vontade de voltar a pedalar e este ano finalmente resolvi que já era hora! Investi numa bike dobrável. Ela é ótima para quem mora em apartamento, cabe em qualquer cantinho e entra fácil em qualquer porta-malas. Pode até ser transportada com facilidade em ônibus e metrô – isso eu ainda nunca tentei, fica para uma próxima aventura!

Como sou novata (minha bicicleta anterior foi uma Cecizinha com cestinha, faça as contas), estou tentando me acostumar a andar de bike na cidade. E já vi que ser ciclista aqui em São Paulo não é muito fácil não, mas quero acreditar que é possível. A Cláudia, que já é veterana, tem me ajudando bastante e dado muitas dicas. Já fomos até no encontro das Pedalinas, mulheres ciclistas que se reúnem aqui em SP uma vez por mês para pedalarem juntas. No encontro que nós fomos rolou até um piquenique no Ibirapuera, o máximo.

Bom, estou curtido muito esta fase de descoberta ciclística. E como não podia deixar de ser, comecei a bolar alguns projetos DIY para minha bike. O primeiro foi este prendedor de calça. No ano passado a Fezoca, que também anda de bike lá na Califórnia, postou um link com umas tiras elásticas para prender a boca das calças largas, evitando assim que elas manchem ou enrrosquem  na correia da bicicleta.  Como assim ? Nem sabia que isso existia. Mas faz sentido, né ? Nem todo mundo anda de bike de shorts ou calça skinny . Fiquei com a ideia dos prendedores na cabeça até que resolvi fazer meus, aproveitando uma câmara de pneu furada que ia pro lixo mesmo.  Deu certo, vou mostrar como fiz:

elástico 1 elástico 2
1. Lave/limpe  a câmara e deixe secar.

2. Com ajuda de uma tesoura grande, faça um corte na lateral da câmera, abrindo-a.

elástico 3 elástico 4
3. Corte mais uma vez, agora no meio da tira grossa. Feita a primeira tira, faça mais uma de tamanho igual, você vai precisar de um par.

4. A gente ainda fez bordas decoradas  com a  tesoura de picote. Frescurite opcional!

elástico 5 elástico 5
5. Com linha e agulha, preguei um botão em uma das extremidades da tira

6. Com ajuda de estilete, fiz um corte para ser a ‘casa’do botão. Não foi preciso dar acabamento pois a borracha era bem dura.

elástico 6
7. E o resultado  final foi este. Aposto que quem não é ciclista não vai saber o que é. Eu mesma não saberia há alguns meses atrás:P.

Não me inspirei em nenhum PAP da web, desta vez inventei tudo mesmo. E com estes prendedores eu inauguro a categoria de projetos DIY para bikers aqui no Superziper. Estou super animada, procurando outras coisas para fazer. Com certeza vou precisar de bolsinhas de guidão, alforges (aquelas bolsas maiores, para carregar no bagageiro) e cestas. Vi coisas lindas (e um tanto caras) no Etsy mas estou muito fim de tentar fazer meus próprios acessórios.

Se você já fez alguma coisa para sua bike  ou tem alguma ideia de projeto DIY bem bacana mande para gente. Crafters ciclistas, apresentem-se !

23 fev 11
costurafashionoutras técnicas
Dedal de estimação, para apaixonadas por costura
por Claudia

Dedal de estimação

Esse pingente só serve para aquelas meninas que realmente são apaixonadas por costura. Porque se não forem, quem mais usaria um dedal pendurado no pescoço?

A gente viu essa ideia em algum link do Oficina de Estilo e sabíamos que um dia a gente iria fazer.

Comprei um dedal novo em uma visita ao armarinho – não quis arriscar o meu dedal de estimação – e parti para ação.

Me inspirei no original e adaptei com o que eu tinha em casa mesmo – é um projeto tão simples que vale tudo, acho difícil errar ou ficar feio…

Dedal de estimação Dedal de estimação

♥ Usei uma fita estampada para o miolo. Cortei um quadradinho, costurei o contorno como se fosse fazer um fuxico e recheei com um micro pedaço de manta acrílica para ficar gordinho.

♥ Poderia ter colocado um pingo de cola para fixar, mas nem precisou. Como o recheio ficou “gordinho”, ele ficou “entalado” no próprio dedal e não se soltou.

♥ Cortei a ponta dos alfinetes com alicate para ficarem mais curtos.

♥ Fiz os furos com prego e martelo. Preferi fazer um de cada lado.

♥ Poderia ter usado corrente, mas prendi com um resto de fio de seda que comprei para consertar um colar de contas que arrebentou. Comprei uma meada em uma loja de bijus da 25 de março por R$ 1,50. Coincidentemente, é a mesma cor que a menina do dedal original usou!

♥ Como optei por um comprimento curto, mais próximo do pescoço, usei usei um fecho simples para finalizar. Antes de cortar a linha, experimentei ele mais comprido, mas achei que por ser tão pequeno ficou perdido no meio da blusa. Acabei encurtando.

Dedal de estimação

Basicamente foi isso!

Alguém mais se anima a usar dedal no pescoço?  Se fizer mande o link com a sua foto que a gente coloca aqui!

Tem mais gente que já está usando:

♥ O original, por Laura Stantz
Dedal com correntinha, por Maria Laura

11 fev 11
outras técnicas
Tá, finge que eu sei customizar Havaianas
por Claudia

havaianas-tecido (12)

Esse projeto de hoje é um “craft-ready-made” ou um “craft-me-engana-que-eu-gosto”, como preferirem. O primeiro apelido é porque o negócio vem pronto, só precisa ligar os pontos. O segundo é porque quem vê pensa que você seguiu aqueles mil passos sobre como fazer suas  havaiana customizada. Mas, no meu caso, usei o truque de comprar o aplique pronto na 25 de Março.

havaianas-tecido (1) havaianas-tecido (2)

Havaiana customizada foi algo que nunca tinha a feito, até porque prefiro as mais tradicionais mesmo. Mas desta vez foi uma questão de oportunidade. Passeando por uma loja de peças para bijuteria, vi estampas que me chamaram a atenção. Eram tecidos adesivados para colar no chinelo, pórprios para uma customização express. Um processo assim rápido, com um preço bacana de 5 reais e várias opções de cores e desenhos para escolher não dava para deixar passar – nem que seja para testar e mostrar aqui no Superziper. Ah… e pra completar minha havaiana azul estava tão, mas tão, velha que seria legal fazer um teste. Nada a perder, pelo contrário.

Fiz o PAP hoje de manhã, não tem segredo! Além de seguir as instruções do saquinho,  o atendente da loja sugeriu passar 3 demãos de termolina leitosa (com um tempo de secagem entre cada uma) para durar mais e fixar melhor. Eu particularmente optei por pular essa etapa. Já que o negócio é adesivo, vamos ver no que dá!

havaianas-tecido (4) havaianas-tecido (10)

Essa minha havaiana azul-marinho deve ter mais de 10 anos, viu como elas duram? É daquela coleção antiga, que a sola tem camadas com as cores da bandeira do Brasil. Tinha até uma bandeirinha colada na tira, mas já caiu faz tempo.

havaianas-tecido (5) havaianas-tecido (6)

Passei um algodão com álcool na superfície para limpar qualquer sujeirinha e tirar a oleosidade para o adesivo grudar melhor.

Precisei soltar a tira na parte da frente. Confesso que sofri um pouco com medo de estragar de vez o chinelo. Mas deu certo. Ai  é só para passar o adesivo pelo buraco – porque logo em seguida precisei encaixar a tira novamente.

havaianas-tecido (7) havaianas-tecido (8)

Em seguida tirei a película que protege o adesivo e colei, como se fosse um contact, de cima para baixo. Reparem que há um picote para contornar o adesivo pela parte lateral das tiras.

O acabamento é simples: se tiver sobras, apare com uma tesoura. Nas instruções eles comentam de cauterizar as bordas usando isqueiro ou vela – não precisei fazer isso.

Para terminar, uma foto comparativa de antes e depois . Para um chinelo velho, até ficou legal não acham? Mais pra frente, um ou dois meses talvez, eu volto aqui para falar da durabilidade, ok?

havaianas-tecido (9)

A loja onde comprei essas “palmilhas” de tecido foi a Pink Bijoux, que fica na Ladeira Porto Geral, 106 – 4o andar sala 407, metrô São Bento, São Paulo, SP – tel. 3227-4105

E abrindo a embalagem, descobri quem fabrica o produto, que na verdade se chama Flok. Mais informações em www.tecidoadesivo.com.br

Ah… e para quem estiver a fim de fazer o processo de customização de chinelo  comme il fault, sugiro uma passada no tópico “Cola para Havaianas”, no fórum do Superziper no Flickr, para buscar  dicas referências. Esse assunto foi o mais bombástico até hoje – já rendeu mais de 3.200 respostas e comentários.  Dá para imaginar o que é isso? É muita informação útil em um só lugar, virou até referência.

Página 21 de 55Primeira...1920212223...Última