16 mar 07
tricô e crochê
DIY: Como fazer um pompom
por Claudia
Pompom, como fazer

Quando comecei a mexer com crafts, eu achava que fazer um pompom era uma coisa impossível, de outro mundo. Pelo Flickr, achei uns links que ensinavam passo a passo e viciei.

Existem varios métodos. Existem atá acessórios, uns disquinhos de plástico, feitos pra facilitar a tarefa e deixá-los mais regulares. Já vi vendendo na 25 de Março, na lojinha de botões do meu bairro em São Paulo e na John Lewis aqui em Londres. Enfim, é uma coisa super normal. Em um outro site, uma garota ensinava a fazer usando um molde de cartolina. Eu experimentei, mas não rolou. O jeito que mais me encanta é o mais fácil de todos. Você só precisa da lã, de uma tesoura e de dois dedos de uma mão.

Aproveitando a tecnologia digital, aí vai o passo a passo, filmado caseiramente.

Dicas valiosas:
– 2 dedos dá um mini pompom
– 3 dedos dá um médio
– 4 dedos dá um pompom grande
– número de voltas pode ser ao redor de 40 para o mini
– o nó tem que ser beeeeeem apertado
– apare as pontas com vontade. Você vai perder metade do pompom. Não tenha dó.
– experimente fazer com 2 cores de lã, você vai ter um pompom misto.

Detalhes do making-off: usei minha câmera digital e um tripé de 10 reais, desses comprados no StandCenter. A claquete é de papel, impressa numa impressora comum, escrita com canetinha.

Momento vídeo-cacetada: o novelo saiu rolando mesa abaixo.

—————–
UPDATE: Ganhei da minha mãe o Pompom Fácil, um fazedor de pompons. Então decidi organizar um duelo: pompom de dedo versus pompom-fácil. Acompanhe o passo-a-passo, meu veredito final e decida qual método funciona melhor para você.

***************
Tambem no Superziper: Com muuuuuuuitos pompons, você pode fazer um super tapete colorido. Pra quem achou terapêutico fazer um atrás do outro, pelo menos existe um uso diferente e interessante! E mais… confira um índice com tudo que já publicamos.

12 mar 07
tricô e crochê
Zipervideo: a bola de lã que não te enrola
por Andrea

bola

Wow, estou muito feliz em saber que a maioria de você continua tricotando a todo vapor como eu! Obrigada a todas as leitoras que responderam a enquete da semana passada, muitas outras virão e espero que continuem participando.

E já que o assunto é tricô, vou aproveitar para passar uma dica simples mas que facilitou muito a minha vida. Todo mundo que faz tricô ou crochê já ficou um tempão tentando desembaraçar lãs de novelos. Aprenda aqui a fazer uma bola de lã rápida, redondinha e que não “enrola” – o segredo é fazer um “8” que faz o fio sair sempre do centro da bola. Esta técnica é especialmente útil para aquelas lãs que vêm em meadas, como a Paratapet.

 

Achou esta dica util ?
Sim
Nao
pollcode.com free polls
08 mar 07
outros bla bla blastricô e crochê
Diga aí: O tricô já passou ?
por Andrea
Coisa de dois anos atrás o tricô virou moda. Todo mundo voltou a tricotar e quem ainda não sabia deu um jeito de aprender. Produzimos cachecóis (dúzias deles), torramos nossa grana em lãs e trocamos receitas feito malucas. Mas e hoje ? Continuamos tão apaixonadas pelo tricô ?

Tricoteiras e ex-tricoteiras, colaborem com o Superziper respondendo esta enquete :-)

Você ainda tricota ?
Tricô ?? A última moda agora é a decupagem !
Hum, neste calor não dá. Talvez eu volte a tricotar no inverno.
Sim, continuo mas sem a mesma empolgação.
Claro, e a todo vapor, faça frio ou faça sol ! Tricô FOREVER!
View Results
02 mar 07
tricô e crochê
DIY: Sushi de crochê
por Andrea

Quem freqüenta restaurantes japoneses, já reparou que os mais tradicionais colocam bandejas de sushi de resina plástica na vitrine para mostar o menu. Foi pensando nestes displays que resolvi bolar os meus próprios sushis “fake”, mas ao invés de resina usei a minha matéria prima preferida: lã.

Pra quem já tem um pouco de experiência no crochê é muito fácil – é modelar em ponto baixo. Pra quem nunca pegou numa agulha de crochê, recomendo dar uma treinada antes, fazendo muita correntinha, ponto alto e baixo antes de partir para o bolinho de arroz de lã.

Esta é a receita do NIGUIRISUSHI DE CAMARÃO
(niguiri= bolinho de arroz, sushi = arroz temperado estilo japonês)

Vai dar um sushi em tamanho real, de aproximadamente 6 cm, mas isso pode variar conforme o tipo de lã e tensão do seu ponto.

 
Voce vai precisar de :
– Sobras de lã rosa e branca – usei lã acrílica, tipo Família
– Agulha de crochê de 2,5 mm
– Enchimento de fibra de silicone
– Linha de bordado rosa
– Agulha de bordado


Faça em duas partes separadas, primeiro o oniguiri e depois o camarão.

Bolinho de arroz- Oniguiri
Faça uma correntinha de 12 pontos. Este é o centro do bolinho, você vai trabalhar em círculos ao redor dele. Nas próximas carreiras você irá fazer pb ao redor da correntinha no formato de um bolinho de arroz – veja a foto.
Carreira 1 – pb em todas os 12 pontos da corretinha , totalizando 24 pb.
Carreira 2 – continue fazendo um pb em cada um dos pb da carreira anterior dos dois lados e de maneira circular.
Carreira 3 – idem carreira 2
Carreira 4 – continue fazendo um pb em cada um dos pb da carreira anterior mas desta vez acrescente 1 pb em cada uma das extremidades do bolinho. Voce já fez metade do bolinho ele deve ter um formato meio de “canoa” neste ponto. Carreira 5 – agora você vai começar a diminuir para fazer a parte superior do bolinho se fechar. Continue fazendo um pb em cada um dos pb da carreira anterior mas desta vez diminua 1 pb em cada uma das extremidadas e em cada uma das laterais.
Carreira 6 – idem a carreira 5
Carreira 7 – faça uma diminuição apos cada pb para quase fechar o bolinho.

Insira um pouco de enchimento de fibra pelo orifício e feche usado pb (use quanto forem necessários para fechar).

 

Camarão
Faça 14 correntinhas. Será a espinha dorsal do camarão e você irá crochetar em círculos em volta dela.
Lateral 1 – Pulando os 2 primeiras correntes, faça 2 pb nas próximas 2 correntes. Continue fazendo 12 pa em cada uma das próximas 12 correntinhas até chegar a outra extremidade. Você já fez um lado do camarão.
Lateral 2 – Faça 2 pb nas 2 primeiras correntinhas. fazendo 12 pa em cada uma das próximas 12 correntinhas até chegar a extremidade oposta, a que você havia começado
Rabo – Faça 4 correntinhas para ser o centro da cauda. Pulando a primeira correntinha insira a agulha na segunda correntinha e faça um pb.Faça outro pb na próxima corrente – voce fez um lado do rabo. Faça mais 4 correntinhas e repita o mesmo procedimento para fazer o outro lado do rabo.
Costure o camarão discretamente no topo da bola de arroz com linha fina e agulha de costura. Se quiser faça uma bordado decorativo com linha rosa no topo do camarão, vide foto.


 

pb = ponto baixo

pa= ponto alto

* * * * * * * * * *
Também no Superziper: O segredo do decote com mangas raglã é matemático. Clique aqui para conhecer a proporção exata que deve ser usada. E mais… confira um índice com tudo que já publicamos.

Página 32 de 32Primeira...2829303132