22 nov 11
outros bla bla blas
Tem Superziper no Bazar ÓGente
por Andrea

Convite02

S-s-s-s-save the date ! Sábado dia 26 tem Bazar ÓGente aqui em São Paulo.  Não se engane com o nome pois o Ógente vai além de um bazar e promete ser o evento mais bacana do ano. Uma oportunidade para passar um dia gostoso num casarão tombado no centro de São Paulo, fazer comprinhas incríveis, provar comidinhas deliciosas, aprender novas técnicas e papear com muita gente criativa.

Para ter uma ideia dos produtos que estarão a venda por lá e programar seus gastos, dá uma espiada aqui. Aproveitem para comprar seus  presentes de Natal desde já e prestigiar designers talentosos e suas criações únicas. Chega de pegar fila e se estressar correndo para comprar no shopping, né?

brincos

Até nós, que nunca vendemos nossa produções, preparamos uma quantidade limitada de produtos do Superziper especialmente para a ocasião. A maioria deles já deu as caras por aqui. Teremos brincos de teclas de máquina de escrever, posters tipo lambe-lambe, zines e chaveiros de corrente de bicicleta. Tudo feito a mão e exclusivo.

Ponto Cruz

Também estaremos inaugurando o coletivo Miss Kubelik, de  ponto cruz moderno. As autoria das frases é de Bia Braune e a produção da Jussara Franco e desta que vos escreve :). Tiragem limitadíssima para o ÓGente.

Atualizados recentemente63

Preparamos uma nova leva de posters impressos na máquina de lambe-lambe.  Desta vez imprimimos em tamanho A4, um tamanho amigo, para facilitar as nossas vidas e a de vocês. Vamos disponibilizá-los depois lá na lojinha mas no bazar estarão com um preço especial.

E a novidade do ÓGente este ano são as mini oficinas de DIY. Algumas delas já estão esgotadas, mas vale checar a agenda e tentar uma vaga de última hora. 

A minha é a de Furoshiki e a Cláudia vai falar sobre manutenção básica de bicicletas para iniciantes. Para se inscrever nas oficinas basta mandar um email para super_ziper@yahoo.com.br. O valor de cada uma é R$ 10,00, que podem ser pagos no dia.

 

Curtam a página do ÓGente no Facebook para ficar sabendo das novidades até sábado.

Nos vemos lá!

21 nov 11
outras técnicas
DIY Guirlanda Tropical
por Andrea

IMG_8419

Crafts para Natal não são nosso forte. Sempre que esta época do ano se aproxima ficamos quebrando a cabeça até a última hora para bolar algum projeto bacana e criativo, que fuja da mesmice do vermelho, verde com toques de dourado. Tarefa difícil!

Mas este ano consegui pensar em algo para fazer antes mesmo do mês de Dezembro chegar: uma guirlanda bem tropical,  com um toque kistch. Uma guirlanda com flores de plástico coloridonas e luzinha brancas de LED, para abalar de vez os pilates dos crafts natalinos!

Desktop41

1.Adivinha onde comprei o material? Claro que na 25 de Março. Por pura sorte as gérberas que eu queria estavam a R$ 1,50 cada uma, eram as flores mais baratas da loja. Gastei ao todo R$ 20, incluindo o cordão de  luzinhas LED. É legal ter ainda à mão ferramentas como alicate e fita crepe.

2. Cada galho de gérberas veio com duas flores. Dez galhos foram suficientes para uma guirlanda bem cheia. Com ajuda do alicate, cortei os galhos, separando-os e aparando os cabos, deixando um  cabo por flor. Tirei também a maioria das folhas verdes que acompanhavam o galho.

3. Para montar, fui  entrelaçando os cabos um no outro, moldando e entortando, até formar um círculo com as flores. Muita calma nesta hora, se os galhos forem duros – os meus eram, mas nada que não entorte com jeitinho. Vá entrelaçando e enrolando, um a um.

4. No final é sempre legal dar uma reforçada nas dobras, colando fita crepe discretamente por trás, para os galhos não se soltarem do círculo.

Desktop42

Ah, as luzinhas LED não são incríveis? Comprei o fio de LED mais curto que achei. Os maiores irão sobrar demais, evitem.

Enrolei  o fio por toda a guirlanda, escondendo o fio por trás da flores, sempre que possível.

E desta vez temos até video mostrando a produção da guirlanda tropicaliente ! Via site da Casa e Jardim.

Com as luzinhas acesas em postos e acesas a guirlanda ficou assim, que tal ?

IMG_8468

Ainda é Novembro então dá para ir atrás do materiais com calma para montar a guirlanda e usar a partir de Dezembro.

Com outros tipo de flores artificias também deve ficar bacana, experimentem! Sugiro apenas furgir dos ícones e cores convencionais. Ideias?

 

17 nov 11
outros bla bla blas
O Craft Compensa ? Todos os videos da série
por Andrea

A série dos crimes contra o artesanato convencional já acabou, mas vale a pena ver todos os vídeos na sequência.

1 . O banheiro foi cena de um crime sanguinolento com suco em pó. Qualquer semelhaça com Psicose é mera coincidência.

2. No escritório,  a máquina de escrever foi submetida a uma pequena cirurgia.

3. O salão de festas foi cena de um ponto-cruz sinistro.

4. A sala de estar foi escolhida como cenário para um tricô gigante, com cabo de vassoura e corda.

5. E, finalmente, na sala de música, cassetes de ídolos latinos de outrora foram copiosamente destruídos.

 

Espero que tenham se divertido assistindo e que esta nossa brincadeira estimule a pensar nos trabalhos manuais de maneira mais leve e divertida.

Sobre os vídeos, nós temos nossos crimes preferidos e vocês? Contem ! Queremos saber qual vocês curtiram mais :)

16 nov 11
tricô e crochê
Especial Detetive SZ: O Crime da Sala de Música
por Andrea

O crime da sala de música


Último video da série Detetive SZ se passa numa sala de música nada convencional. Assistam até o final que tem supresa :)

IMG_8308

Quem precisa usar caneta bic para voltar a fita cassete quando se tem uma agulha de crochê por perto?

O que uma coisa tem a ver com a outra?  Para mim, tudo. Sempre tive vontade de fazer crochê usando fios inusitados. As fitas magnéticas deterioram como o tempo, então por que não  dar  novo uso a um objeto que estaria fadado ao lixo? Aviso que este foi minha estréia no crochê de fita como não conheço quem faça não tinha referência. Resultado, o projeto foi super experimental, mas não menos divertido.

Atualizados recentemente62

Eu comprei várias fitas em sebos por R$ 1,00 – cuidado com as de cromo pois podem ser tóxicas. A melhor parte é desenrolar loucamente as fitas. Funciona quase como estourar plástico bolha para alívio do stress. Recomendo após um dia de trabalho duro.

Para fazer a toalhinha, usei agulha de crochê e fui improvisando a receita, meio freestyle. A única regra para crochetar uma toalha redonda é começar pelo meio, com uma correntinha fechada e ir expandindo circularmente.

Para refrescar, a memória veja o nosso especial de crochê básico.

IMG_8374
IMG_8336

Fiz logo duas toalhinhas, uma maior e outra menor.

Não posso dizer que crochetar com fita cassete é a coisa mais facil do mundo. Por  ser achatada, a fita enrosca um pouco na agulha e até amassa na hora de entrar por dentro dos pontos. Mas a achei que o esforço vale a pena. Todo mundo que vê a toalhinha pronta leva um susto ao saber o que é aquele fio achatado meio marrom.

IMG_8360
IMG_8365

Não dá para colocar objetos quentes em cima da fita magnética então resolvi usá-las como objeto ‘decorativo excêntrico’. Se alguém quiser sugerir outro uso para crochê de cassetes ou toda ouvidos. Enquanto isso, vai um suquinho na jarra abacaxi ao som de um disco vinil?

E com este post termina a série Detetive SZ. Espero que vocês tenham gostando das nossa brincadeiras criminosas contra o artesanato convencional. A gente aqui se divertiu horrores fazendo. Se antes da série já achávamos que o craft compensava agora, temos certeza absoluta.

Página 80 de 278Primeira...7879808182...Última