25 mar 10
ateliê craft
Ateliê Craft: Livia, da Coelhoshow
por Claudia
Lívia no ateliê Coelhoshow

Foi uma descoberta muito feliz  saber que a Livia é fã do Superziper. Tudo aconteceu no sábado passado quando a Andrea e eu tomávamos um café na Galeria Ouro Fino, na Augusta, em São Paulo. Ela passou pela mesinha, reconheceu a gente, começou a bater papo e contou que se inspirou em várias ideias que deixamos aqui, como a bolsinha de tecido de levar almoço, a pintura de lousa, as decotapes na decoração, a braçadeira na máquina de costura.

A Lívia então convidou a gente a conhecer sua loja, a Coelhoshow, que fica no segundo andar da galeria, e o ateliê, que fica no mezanino da loja. Tudo era tão fofo, colorido e cheio de detalhes divertidos que a gente não resistiu e transformou esse encontro casual em mais um ateliê craft. Acho que vocês vão curtir!

Estudo de coelho Coelhinho (horizontal)

1- Este espaço pertence a: Lívia Costa, com participação super especial da Ritinha que me trabalha comigo e é meu braço direto.

2- Site: www.coelhoshow.com/ ou www.fotolog.com/coelhoshow

3- É daqui que saem: Roupas para se sentir uma bonequinha adulta e bonecos de tecido como os Luli-lulis e cervos de feltro.

4– O que não pode faltar: Bom humor e música

5- Objeto querido: Coelhinho de cerâmica que ganhei da minha mãe.

6- Última aquisição: Um livro de bordados e um monte de linhas coloridas para colocar em prática os projetos!

7- Número de horas passadas por dia: No mínimo 9 horas por dia, as vezes mais.

8- Próximo desafio: Colocar uma coleção de inverno dos sonhos na loja e atualizar meu site, equilibrar o tempo entre crafts e internet é um grande desafio para mim.

9- Nível de bagunça (1 a 10): Nível 6 porque tem muita bagunça superficial mas eu sei onde está tudo, sou bem organizada.

10- Trilha sonora: Weezer, Beirut, Ray Charles e Roy Orbson estão sempre cantando por aqui. [nota da editora: geeente, ela tem uma vitrola na loja que funciona e muitas vezes é usada para o som ambiente, amamos!]

Mesa para máquina e corte Máquina de overlock

Aqui as máquinas que ela usa. Reparem que as duas estão super enfeitadas de Decotape – até mesmo a overlock.

Caixas de papelão customizadas Caixa de papelão desenhada

Tudo é tão enfeitado que nem as caixas de papelão escaparam!

Mesa de trabalho no ateliê Revistas e pastas na prateleira

Aqui a mesa de trabalho e a inspirição organizada em pastas e pilhas de revistas Nylon.

Lívia na loja Coelhoshow

Lívia no balcão da loja.

Detalhe da loja Vitrine de acessórios Coelhoshow

Na loja ela vende bonecos, decotapes daquelas largonas (tinha uma de renda linda!). Na primeira foto alguns dos quadrinhos foram feitos por ela. Na segunda foto, detalhes para os acessórios e bijus que você encontra por lá!

O mais importante no ateliê é o amor, por tudo o que se faz e pelas pessoas envolvidas e lembrar que o termo DIY não serve só para artesanato mas também para construir nossa própria comunidade, nossa própria rua, nossa escola, nossos shows, revistas, sites, idéias. Dá para deixar nosso mundo do jeitinho que a gente quer, fiado e tecido pelas nossas mãos e pelos nossos sonhos

Como a gente tirou muitas fotos, montamos uma galeria no Flickr para quem quiser explorar mais cantinhos da Coelhoshow.

 

26 jan 10
casa craftinspiraçãonhac
Ideia: Cartazes handmade
por Claudia

Quem acompanha o blog já deve ter percebido que eu tenho mania de tirar foto de quase tudo o que eu vejo. Tudo bem, exagerei, na verdade eu fotografo de tudo que me inspira. Em geral são de pequenos detalhes, a costura colorida de um botão de camisa, um fecho de embalagem, uma estampa diferente e por aí vai. Minha câmera já está toda calejada – descascou nas beiradas e a fitinha de prender no punho, mesmo depois de lavada, nunca mais voltou a ser branca. É que eu levo ela na minha bolsa no dia a dia, de segunda a domingo. E praticamente todo dia eu acho alguma coisa para fotografar, nem penso duas vezes antes de clicar. Não para copiar, mas para me inspirar. Essa foto aí de baixo é um exemplo.

Plaquinha Hello. Plaquinha bem-vindos

Gostei de três coisas nesta foto da esquerda: o tom azul da porta, o número 23 (fonte, cor, detalhe dos preguinhos, contraste) e o cartazinho de “Hello.” colado na parede. Essa era a entrada de um ateliê que visitei em Londres. Achei tão simples e simpático o jeito de receber os convidados que um dia eu haveria de fazer algo parecido.

Gostei tanto que em uma festinha que fiz em casa acabei adotando o conceito cartaz handmade. A foto da direita é a minha versão. Usei cartolina preta, escrevi com giz colorido em cima e preguei com decotape (afinal gente, decotape foi feito pra gastar né)
Torta de atum Torta de legumes

Como eu ando também com mania de lousa, aproveitei a cartolina que sobrou para identificar as comidinhas da festa. Um peixe para torta de atum e a cenoura para a torta de legumes. Fez o maior sucesso, os convidados aprovaram!

Fiquem a vontade para favoritar, twittar e mandar esta ideia por email – afinal esse é jeito web 2.0 de guardar e espalhar as ideias que a gente curtiu.

PS: para quem pediu, aqui vai a receita da torta de liquidificador, uma delícia!

*********************
Também no Superziper: Uma dica ótima para quem usa câmera e outros gadgets tecnológicos e não sabe como organizar aquele emaranhado de fios, carregadores, baterias. A gente mostrou aqui!

24 ago 08
outras técnicas
Decotape – idéia #6
por Claudia

Celular com decotape Adaptador USB com decotape

Não quero parecer nem saudosista e nem reclamona, mas este fato não dá para negar: as coisas de hoje em dia quebram muito mais fácil. Então, porque não unir o útil ao fofo?

Andei remendando meus gadgets com decotape :-) As fotos aí de cima são casos reais. Primeiro foi a tampinha do meu celular que ficou meio solta – talvez de tanto ficar jogado na bolsa e, de vez em quando, cair no chão – essas coisas acontecem comigo. E depois, foi a vez do meu adaptador USB para cartão de memória. O plástico se dividiu ao meio e o decotape foi a salvação.

Nós adoramos promover a campanha: “use seu decotape, não deixe ele encostado em um canto craft”. Clique aqui para ver outros exemplos de uso.

* * * * * * * * * *
Também no Superziper: Uma dica prática para quem não sabe o que fazer com aquela confusão de fios de carregadores, computador, máquina fotográfica, ipod e afins.