27 maio 10
outras técnicas
E o furoshiki voltou! Agora para DVDs e livros
por Andrea

zellig

Muita gente nos escreve perguntado onde comprar furoshikis pela Internet aqui no Brasil. Se a pessoa quer o lenço importado e é de SP eu indicava as lojas da Liberdade pois já vi uns furoshikis importados na loja Tenmanyá ( mas eles não vendem pela Internet). E, é claro, outra opção é fazer em casa, afinal é um tecido quadrado com as barras feitas dos quatro lados (e sempre, sempre façam um acabamento na barra, furoshiki todo desfiado é um não-não). Se nada disso rolar, sempre vale a pena procurar por lenços usados em brechó, armário da mãe, etc e tal.

 

Bom, já que faltava uma opção de furoshiki nacional, fiquei animada quando a Priscila da Zellig me escreveu contando que elas lançaram lenços quadrados, que poderiam servir para este tipo de embrulho. Ela me mandou dois esta semana, para usar e testar, êba.

 

Aproveitei para testar o lenço em mais um video, desta vez mostrando como se faz embrulho para dois DVDs ( serve também pra livros ou qualquer objeto retangular fino).

Os lenços que usei são da linha Cosmos e como são quadrados de tamanho médio servem bem pra fazer vários tipos de embrulhinhos básicos. Só pra bolsa e mochila de furoshiki eu não recomendo pois vão ficar pequenos. A textura também é boa, é um tecido denso(80% algodão) e de textura mais pra firme, mas que não fica super amassadão (20% poliéster).

 

zellig2

 

Gostei da estampa tipo era espacial, que serve tanto pra ‘menino’ como ‘menina’. Acho que pode ser uma opção bem fofa pra embrulhar o presente do Dia dos Namorados, pra dar aquela inovada na embalagem.

Se alguém tiver alguma dica de onde comprar outros lenços pra furoshiki nacionais, é só deixar um oi aqui nos comentários. Quanto mais opções disponíveis melhor, né ? É bom poder ter acesso a furoshiki nacional, importado, feito em casa…

*************************
Também no Superziper: O bichinho furoshikeiro te mordeu ? Tenta estes outros embrulhos usando lenços de tamanho pequeno e médio:

 

 

 

 

23 maio 10
outros bla bla blas
Achados craft no supermercado
por Claudia

Muita gente que acha que ir ao supermercado é a coisa mais chata que existe. Tem até aquela piadinha que diz que é muito esforço à toa, que você pega o produto na prateleira, põe no carrinho, tira do carrinho, põe no caixa, põe na sacola, põe no carrinho de novo, tira do carrinho, põe no carro, tira do carro, põe na cozinha, tira da sacola e guarda no armário. Este ritual todo nem me cansa, pois eu gosto mesmo é de ir ao supermercado ! Adoro ver as novidades, xeretar prateleiras, ver embalagens, pensar em possíveis receitas, e por aí vai.

Em duas últimas visitas, ainda achei muita inspiração ‘crafteriana’! Vejam só meus achados:

Escova para jeans (S.Paulo)

* No supermercado em São Paulo (SP) essa aí é uma nova escova de roupas da Bettanin especial para jeans. Nem entro no mérito do produto. O que eu gostei mesmo foi do display feito em jeans e costura em overloque. Super simples e ao mesmo tempo, chamativo. E é algo que costureiras iniciantes podem fazer em casa e usar para guradar outras coisas. Projeto fácil-fácil! O conceito é o mesmo dos porta-rolos de papel-higiênico, hehe.

re-usies

* No supermercado em Seattle (EUA) Esses envelopinhos de tecido estavam a venda no supermercado. São chamados de Re-Usies – difícil de traduzir palavras inventadas, mas é um diminutivo carinhoso de ‘re-utilizáveis’ ou algo assim. Estavam a venda em dois tamanhos: para lanchinhos e sanduíches, cerca de 7 e 9 dólares casa (tem no site pra vender). Também super simples de fazer, pra não quer gastar zip-loc, papel alumínio ou filme-plástico a cada lanche diário. O fecho é de velcro e, por dentro, era impermeável. Tem vários tutoriais na internet ensinando algo parecido (We Wilsons, Betz White, I Have to Say, French Sleep, Noodle Heads, etc).

*****************
Também no Superziper: Me lembrei da série de furoshiki que escrevemos há um tempo. Uma das lições ensinava a dobrar o pano de um jeito ótimo para embrulhar frutas e outros objetos redondos.

28 jan 10
outras técnicasoutros bla bla blas
Presentes vindos do Japão
por Andrea

IMG_0054

Semana passada recebi um surpresa vinda do Japão. Tomoko, a prima de Tóquio viu o meu interesse (ou será obssessão ?) pelos paninhos dobrados aqui no blog e mandou um pacote com várias coisas bacanas, entre elas três lindíssimos furoshikis com estampas tradicionais, Made in Japan. Como todo mundo sabe e a gente já falou bastante aqui no blog, o conceito de furoshiki pode ser aplicado a qualquer pedaço de tecido de formato quadrado. Mas ganhar o produto original não deixa de ser uma grande emoção pra mim.
Ela comprou os tecidos na Furoshikiya, uma loja especializada em (olha a redundância): furoshikis. O legal é que com cada pacotinho veio um cartão em inglês explicando o porquê de cada estampa. Adorei isso porque sou curiosa para saber o significado das coisas e se viesse em japonês não ia conseguir entender muito bem.
Foi isso que veio escritos nos cartões, da esquerda para a direita:
* De coelhinhos lunares (Tsukimi Usagui): É um padrão típico de outono (no Japão o outono acontece durante a nossa primavera). Nsta época as pessoas têm o costume de observar a lua para tentar ver a sombra de um coelho passeando por lá. Até as doceiras fazem doces com desenho de coelho para celebrar o festival.
* De flores de ameixa (Shihou Ume): Símbolo da primavera no Japão, este furoshiki tem estampas da flor somente nas bordas. Eu vi as cerejeiras cor de rosa quando estive lá no ano passado. Olhar pra esta estampa agora traz boas lembranças.
* Coloridão com flores e flechas (Yagasuri Chirihana): Yagasuri quer dizer flecha – você vê as flechas no padrão geométrcio do fundo? Não parece ,mas trata-se de uma estampa antiga típica do período Taisho (1912-1926). Esta é uma versão super intrincada, com flores e objetos (tente encontrá-los no meio das flores). Tirei uma foto dele aberto pra vocês verem melhor a beleza da coisa.
IMG_0042
Mais uma fotinha, só porque eu não me aguento, hehe. É que os tecidos vieram tão bem dobrados, com uma perfeição milimétrica que deu muita dó de tirá-los dos saquinhos. Mas depois, como não sou boba nem nada, acabei desembalando todos e testando alguns usos. Vejam só:
O dos coelhos lunares era o menor de todos. Com um nozinho em cada ponta, acabou virou uma capa para caixa de lenço de papel (alguém mais aí ainda fala papel Yes como eu ? ). Afinal, pra que ter de olhar para uma caixa de papel feia quando um tecido e alguns nós te dão a oportunidade únicade transformar algo mundano numa embalagem “arte”? Agora a minha caixa de lenços faz bonito na cabeceira da cama e no lavabo.
IMG_0049
Com o furoshiki florido, que é o mais grandão, fiz uma mochila. Notem que o tecido roxo da alça é um outro furoshiki, são dois lenços amarrados juntos. Quando mostrei esta foto lá no twitter disseram (com razão) que parece um baby sling! Se vocês gostarem da ideia da mochila eu ensino como fazer aqui no blog, ok? É fácil de fazer, mas é necessário dois lenços bem grandes. Acho legal pra levar pra praia e piscina.
IMG_0118
Estas duas ideias eu tirei do livro Gift Wrapping With Textiles, da Shizuko Morita ( já tem na Livraria Cultura). Comprei a versão em inglês, uma mão na roda pra quem não entende Japonês. O livro é bem prático e mostra 42 maneiras de “dobrar paninho”, com PAP, foto, uma beleza. Várias delas a gente já mostrou o PAP aqui no blog mas tem coisas inéditas, como ideias para usar o furoshiki na decoração da casa e também alguns embrulhos para presente bem finos.
***************
Também no Superziper:
Quem disse que é só pra embalagem ? Um lenço molinho pode virar uma flor em 1 minuto. Você é quem manda se vai no pescoço ou no cabelo.
26 dez 09
outros bla bla blas
Nossa Retrospê 2009
por Andrea
mosaic637263fd3380aeb623a00f381c0163f07e50d0b2

Acho meio cliché fazer retrospectiva no final do ano mas também acho que é um exercício legal para quem tem blog. Dá pra colocar em balanço tudo o que foi feito e escrito, o que deu certo e o que nem tanto, se programar para o próximo ano e dar risada com os próprios #fails. A gente teve vários momentos legais em 2009 e vou tentar resgatá-los aqui neste post. Se você lembrarem de algum outro ou acharem que a nossa escolha foi injusta é só gritar daí, ok ?

São os 10 mais, sem ordem de preferência, vamos lá ?

1. Novidade do ano: O Furoshiki. A gente fez podcast com uma expert no assunto e arriscamos até um especial com videos DIY, ensinando a ‘dobrar paninho’. Depois, o furoshiki caiu na boca do povo e todo mundo falou mas a gente aqui foi um dos primeiros. Será que em 2010 a embalagem de pano dobrada vira mainstream ?

2. Evento do ano: A nossa cobertura da Mega Artesanal , devidamente identificadas pelo broche-flickeiro). A visita foi super intensa e a gente saiu de lá esgotada fisicamente mas o evento rendeu vários posts e momentos legais com crafters que a gente admira.

3. Post mais comentado: Lembra daquela enquete para saber “Como você tricota ?” Descobrimos que existem várias maneiras de segurar a linha e a agulha. No final o que vale é descobrir a maneira de tricotar que é mais confortável pra você e mandar bala.

4. Polêmica do ano: Bafo ! Comentários anônimos ! Tudo por causa de uma roupa de crochê para caneca. Teve gente que amou e fez, outras acharam o fim dos tempos… A gente ainda é do time crochê-caneca forever.

5. Momento ‘ego’: A gente dando as caras lá no site da TPM. Precisa dizer mais ?

6. Momento Link-Love-no-blog-do-ídolo: Tudo começou com uma peruca de tricô pink que eu fiz e acabou em post no Querido Leitor da super Rosana Hermann.

7. Novo xodó superziperiano: Sem dúvida o Twitter, onde já estamos com mais de 1700 seguidores. Lá a gente fez novas amizades e estreitou muitos laços com crafters do Brasil e de fora. Superziper <3 Twitter!

8. Projeto mais comentado: O colar de renda da 25, em duas versões, fez o maior sucesso.

9. #fail do ano: Eu surtando no Twitter achando que alguém tinha hackeado a nossa conta quando na verdade tinha sido a Claudia que havia postado um link para o site alemão Pundo 3000. Quando descobri fiquei com uma vergonha master. Abafa! Mas no final aprendemos que twittar a quatro mãos pode ser uma comédia de erros.

10. Participação do ano: Vocês participando com fotos dos projetos no concurso de ‘Dois Anos do Superziper’. Recebemos centenas de fotos lá no Flickr, foi tão bacana. Quem sabe a gente agita algo parecido em breve.

E ainda teve o especial de crochê básico também foi super comentadoo retorno definitivo da Cláudia para o Brasil…. a minha blusa de tricô de corujas para Hogwarts …. as experiências para chegar no lip balm caseiro idealo post colaborativo ‘Os 10 mandamentos craft’ feito com a ajuda de quem frequenta o nosso fórum no Flickr. Aliás, já que estamos falando dele, as opiniões rolaram soltas nos tópicos Porque toda crafter tem um gato e Você gostaria de ter seu produto copiado?. O pessoal soltou o verbo e altos papos polêmicos rolaram em 2009!
Muito obrigada pela participação, comentários, tweets e emails. Sem vocês tricotando e costurando aí do outro lado nada disso teria a mínima graça.
E quem venha 2010 e os três anos de Superziper em Fevereiro :)*****************
Também no Superziper: Sentiu falta de algo? No nosso arquivo de A a Z, além dos 188 posts que escrevemos em 2009, vocês encontram tudo que já publicamos por aqui.
Página 1 de 212