11 set 08
outros bla bla blas
Endossa, uma opção para micro empreendedores craft
por Andrea

Endossa
Quem me falou pela primeira vez da Endossa foi a Elisa Dantas em um destes papos via Messenger. Eu que não conhecia a loja fui correndo Googlar para saber exatamente do que se tratava. Trata-se de um espaço que localizado no centro de São Paulo, mais exatamente na  Rua Augusta, 1360.
Mas não só de google vivem os empreendedores craft. Fui lá conferir pessoalmente e gostei do que vi. A loja chama atenção de quem passa na rua. Tem um pé direito bem alto e paredes brancas forradas com caixas tipo nichos também brancas.  Desta forma o que se destaca na loja são realmente os produtos e a maneira como são expostos nos espaços. São muitas caixinhas e caixonas que comportam produtos handmade de várias marcas. Vejam só:

EndossaEndossa
Em uma casca de noz, o esquema de vendas deles é o seguinte: Cada marca aluga uma caixa cujo preço varia de acordo com o tamanho, quanto maior, mais cara ( a mais barata custa R$ 200,00, o que é um valor de investimento relativamente baixo). A parte boa é que não há comissão sobre as vendas, você apenas tem que vender um valor mínimo mensal igual ao valor do aluguel da caixa para continuar lá. E a partir daí, como o nome já diz, quem faz o endosso do seu produto são os clientes, que irão comprar ou não. 
E é claro, só vale vender produtos handmade. A oferta atual vai desde roupas, sapatos, toys, comidas até bijouterias. No dia em que visitei a loja as marcas de roupas e acessórios dominavam os boxes. Achei apenas um box de geléias caseiras e alguns de objetos de decoração.
Eu achei a proposta bem interessante, sinceramente nunca tinha visto este modelo de negócio em nenhum lugar do mundo. Porém descobri que para vender lá é necessário fazer um cadastro pelo site e provavelmente entrar uma listinha de espera. E outra má noticia é que o site está passando por uma manutenção. Hoje, se você tentar clicar no link do cadastro, popa um aviso de “em breve”. Boo-hoo.
Bom, sugiro que, enquanto isso, se você tem um box lá ou está pensando em alugar um participe da discussão no nosso fórum do flickr. Ou dê um pulinho na loja ao vivo, como eu fiz. Observe os produtos, o público, a dinâmica de vendas e tire suas próprias conclusões.
******************
Também no Superziper: Dicas ótimas da Criz Paz para dar um “up” nas suas vendas de crafts.

25 ZigZags
  1. Paty disse:
    11 de setembro de 2008 às 21:11

    eu vi em um programa de televisao, mas tenho duvidas se o movimento da loja é muito grande… o que é melhor, via net ou loja? duvidas…
    beijos

    Responder
  2. Paty disse:
    11 de setembro de 2008 às 21:11

    eu vi em um programa de televisao, mas tenho duvidas se o movimento da loja é muito grande… o que é melhor, via net ou loja? duvidas…
    beijos

    Responder
  3. Luthi. disse:
    11 de setembro de 2008 às 21:23

    ah essa loja é uma iniciativa bem legal mesmo.
    … menina me explica onde na edicao do blog vc consegue mexer e mudar o fundo? tentei e nao consegui… Bjks.

    Responder
  4. Luthi. disse:
    11 de setembro de 2008 às 21:23

    ah essa loja é uma iniciativa bem legal mesmo.
    … menina me explica onde na edicao do blog vc consegue mexer e mudar o fundo? tentei e nao consegui… Bjks.

    Responder
  5. 11 de setembro de 2008 às 22:54

    Paty, pelo que eu, aqui em Minas, fiquei sabendo, o movimento é bom, sim!
    Eu sempre fico na dúvida se valeria a pena para mim.
    Sempre dá vontadinha, desdá, dá… aí peso: daqui de BH até lá como? :(

    Responder
  6. 11 de setembro de 2008 às 22:54

    Paty, pelo que eu, aqui em Minas, fiquei sabendo, o movimento é bom, sim!
    Eu sempre fico na dúvida se valeria a pena para mim.
    Sempre dá vontadinha, desdá, dá… aí peso: daqui de BH até lá como? :(

    Responder
  7. 11 de setembro de 2008 às 23:28

    Ai, queria que aqui em Salvador tivesse uma loja assim!
    Bjos!

    Responder
  8. 11 de setembro de 2008 às 23:28

    Ai, queria que aqui em Salvador tivesse uma loja assim!
    Bjos!

    Responder
  9. Glauco disse:
    12 de setembro de 2008 às 08:25

    Oi amiga

    Essa visitinha é para desejar um fim de semana maravilhoso de muita paz e de muito amor.

    Não esqueça: hoje é o dia internacional do crochê! Vamos comemorar!

    Beijos no coração
    Lu
    http://www.linhaecia.blogspot.com

    Responder
  10. Glauco disse:
    12 de setembro de 2008 às 08:25

    Oi amiga

    Essa visitinha é para desejar um fim de semana maravilhoso de muita paz e de muito amor.

    Não esqueça: hoje é o dia internacional do crochê! Vamos comemorar!

    Beijos no coração
    Lu
    http://www.linhaecia.blogspot.com

    Responder
  11. simone disse:
    12 de setembro de 2008 às 10:52

    A ideia da loja é mesmo muito bacana, mas acho muito cara!

    Responder
  12. simone disse:
    12 de setembro de 2008 às 10:52

    A ideia da loja é mesmo muito bacana, mas acho muito cara!

    Responder
  13. andrea disse:
    12 de setembro de 2008 às 11:04

    paty, no dia em que visitei a loja haviam umas 10 pessoas. estavam conhecendo , assim como eu, não vi ninguém comprando. sobre a pergunta via net ou via loja eu acho que depende fundamentalmente do seu produto. achei a loja um ótimo canal para a venda de roupas por exemplo!

    carola, acho que é um canal bacana para quem é de sp, mesmo porque a arrumação do seu nicho é sua responsabilidade. vc tem que visitar a loja para repor as suas mercadorias.

    simone, o conceito de caro é relativo, né ? eu pessoalmente achei os preços dos produtos bem razoáveis. é o mesmo que você paga em lojas online ou em feiras de produtores independentes como as do center 3.

    Responder
  14. andrea disse:
    12 de setembro de 2008 às 11:04

    paty, no dia em que visitei a loja haviam umas 10 pessoas. estavam conhecendo , assim como eu, não vi ninguém comprando. sobre a pergunta via net ou via loja eu acho que depende fundamentalmente do seu produto. achei a loja um ótimo canal para a venda de roupas por exemplo!

    carola, acho que é um canal bacana para quem é de sp, mesmo porque a arrumação do seu nicho é sua responsabilidade. vc tem que visitar a loja para repor as suas mercadorias.

    simone, o conceito de caro é relativo, né ? eu pessoalmente achei os preços dos produtos bem razoáveis. é o mesmo que você paga em lojas online ou em feiras de produtores independentes como as do center 3.

    Responder
  15. Marina M disse:
    13 de setembro de 2008 às 21:13

    Obrigada pela informação, adorei saber, vou lá conhecer a loja =)

    bjs
    Marina

    Responder
  16. Marina M disse:
    13 de setembro de 2008 às 21:13

    Obrigada pela informação, adorei saber, vou lá conhecer a loja =)

    bjs
    Marina

    Responder
  17. Ana Tuyama disse:
    15 de setembro de 2008 às 10:58

    que idéia genial!
    peninha uqe moro tão longe :o(

    Responder
  18. Ana Tuyama disse:
    15 de setembro de 2008 às 10:58

    que idéia genial!
    peninha uqe moro tão longe :o(

    Responder
  19. Estela disse:
    12 de outubro de 2008 às 14:27

    Que legal que a idéia chegou ao
    Brasil! Eu, quando morava em Tokyo ( 2005-2006 ), ouvi dizer que havia uma loja nos mesmos moldes da Endossa, mas não cheguei a ir visitá-la. Lembro que os valores dos tais “cubos” expositivos eram altíssimos e, consequentemente, os produtos saíam os olhos da cara…

    Responder
  20. Estela disse:
    12 de outubro de 2008 às 14:27

    Que legal que a idéia chegou ao
    Brasil! Eu, quando morava em Tokyo ( 2005-2006 ), ouvi dizer que havia uma loja nos mesmos moldes da Endossa, mas não cheguei a ir visitá-la. Lembro que os valores dos tais “cubos” expositivos eram altíssimos e, consequentemente, os produtos saíam os olhos da cara…

    Responder
  21. Ana Amélia disse:
    23 de outubro de 2008 às 13:39

    Vocês são mesmo o máximo! Não faço crafts, mas tenho vários amigos que fazem e sou leitora fiel do superziper.
    Conheci a Endossa e achei o máximo. Aqui em Brasília não temos um espaço assim. O legal é que os vendedores da Endossa são muito solícitos e sempre estimulam o cliente a conhecer mais o trabalho dos artistas que lá expõem, uma vez que, como alguns boxes são bem pequenos, não dá pra colocar todos os trabalhos.

    Responder
  22. Ana Amélia disse:
    23 de outubro de 2008 às 13:39

    Vocês são mesmo o máximo! Não faço crafts, mas tenho vários amigos que fazem e sou leitora fiel do superziper.
    Conheci a Endossa e achei o máximo. Aqui em Brasília não temos um espaço assim. O legal é que os vendedores da Endossa são muito solícitos e sempre estimulam o cliente a conhecer mais o trabalho dos artistas que lá expõem, uma vez que, como alguns boxes são bem pequenos, não dá pra colocar todos os trabalhos.

    Responder
  23. 10 de Fevereiro de 2009 às 23:41

    eu gosto muito da endossa. toda vez que vou à SP faço questão de passar por lá pra ver o que há de novo. sempre saio com algumas roupas e bottoms. gosto da loja porque além de ter coisas de várias pessoas diferentes, ainda dá pra experimentar as roupas coisa meio complicada de se fazer nas feirinhas, e dá pra pagar com cartão, coisa que também nem sempre é possível nas feiras. e as peças costuma ser bem bacanas, estilosas. vale muito a pena!

    beijocas

    Responder
  24. 10 de Fevereiro de 2009 às 23:41

    eu gosto muito da endossa. toda vez que vou à SP faço questão de passar por lá pra ver o que há de novo. sempre saio com algumas roupas e bottoms. gosto da loja porque além de ter coisas de várias pessoas diferentes, ainda dá pra experimentar as roupas coisa meio complicada de se fazer nas feirinhas, e dá pra pagar com cartão, coisa que também nem sempre é possível nas feiras. e as peças costuma ser bem bacanas, estilosas. vale muito a pena!

    beijocas

    Responder
  25. aninhainojosa@hotmail.com disse:
    18 de setembro de 2009 às 08:29

    ola , eu ja comprei na endossa e otimo produtos exclusivos a precos acessiveis e tb gostaria de divulgar a minha marca k logo mas estara na endossa e (AI&G)vamos ter jeans descolados e exclusivos com producao propia o k torna o produto unico!

    Responder
Deixe seu Comentário

«
»